Search
Wednesday 18 September 2019
  • :
  • :

Ágatha/Duda e Talita/Taiana ficam na quinta colocação em Itapema (SC)

Ágatha (dir) disputa bola na rede contra a norte-americana Klineman. (Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

As brasileiras Ágatha/Duda (PR/SE) e Talita/Taiana (AL/CE) se despediram da etapa quatro estrelas de Itapema (SC) do Circuito Mundial de vôlei de praia 2019 na quinta colocação. Elas foram superadas na manhã deste sábado (18.05) nas quartas de final da competição internacional. O próximo desafio das equipes do país é já na próxima semana, na etapa Jinjiang, na China, de 22 a 26 de maio.

Talita/Taiana foi a primeira dupla a entrar em quadra, encarando as holandesas Joy Stubbe/Van Iersel, que levaram a melhor por 2 sets a 0 (26/24, 21/17), em 44 minutos. O quinto lugar rende 480 pontos no ranking e uma premiação de cerca de R$ 24 mil. Talita analisou o resultado, que mantém a dupla na segunda posição da corrida olímpica.

“O time da Holanda atuou melhor do que nós, as duas sacaram muito bem, a Van Iersel deu um show de defesas. Não conseguimos ajustar o nosso sistema defensivo, tivemos poucos bloqueios e defesas, isso foi o diferencial da partida. Agora é pensar no próximo torneio, estamos indo passo a passo. Ainda estou me adaptando ao retorno, só meu segundo torneio no Circuito Mundial desde que retomei a carreira. Estou feliz, conseguimos fazer bons jogos, hoje não foi um dia bom, mas sabemos que podemos crescer mais, meu desafio é evoluir um pouco a cada dia, manter uma evolução regular”, disse.

Ágatha e Duda foram superadas em duelo muito equilibrado, decidido apenas no set de desempate, para as norte-americanas April Ross e Alix Klineman: 2 sets a 1 (25/27, 21/18, 15/13), em 1h de duração. Duda analisou o resultado e já projetou os próximos passos da equipe. Elas também somam 480 pontos no ranking e recebem cerca de R$ 24 mil.

“O duelo contra April e Alix foi assim nas últimas oportunidades, decidido no tie-break, em placares muito apertados. Elas são um time muito bom, forte, temos que encontrar saídas. Estamos trabalhando, vamos estudar e procurar entender o que podemos melhorar. É assim que vamos crescendo, aprendendo com os erros. Vamos para a próxima, já pensar no torneio na China. São várias competições no ano e temos que olhar adiante”.

As semifinais, que ocorrem a partir das 16h35, com transmissão do SporTV, terão as norte-americanas April Ross/Klineman contra as holandesas Stubbe/Van Iersel, e as canadenses Sarah Pavan/Melissa Paredes contra as compatriotas Wilkerson/Bansley.

As etapas do Circuito Mundial são classificadas de uma a cinco estrelas desde 2017, variando assim o valor da premiação e o total de pontos distribuídos. Itapema (SC) receberá um evento de quatro estrelas, com distribuição de cerca de R$ 1,2 milhão em prêmios para todos os times em disputa, sendo cerca de R$ 80 mil para a dupla campeã de cada naipe.  A competição também dará 800 pontos aos campeões em cada naipe.

CORRIDA OLÍMPICA BRASILEIRA:

Masculino
Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) – 1.040 pontos
Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB) – 960 pontos
Guto/Saymon (RJ/MS) – 960 pontos
André Stein/George (ES/PB) – 800 pontos
Alison/Álvaro Filho (ES/PB) – 720 pontos

Feminino
Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) – 1.200 pontos
Talita/Taiana (AL/CE) – 960 pontos
Ágatha/Duda (PR/SE) – 880 pontos
Carol Solberg/Maria Elisa – 720 pontos
Fernanda Berti/Bárbara Seixas – 640 pontos




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »