Search
Thursday 20 June 2019
  • :
  • :

Após “reciclagem”, Pinheiros abre semifinal do Paulista de Vôlei em casa

O adversário será o líder do campeonato, Sesi Bauru, e a primeira partida, em 25 de outubro no Henrique Villaboim, ao vivo no Sportv. (Fotos: Ricardo Bufolin /ECP)

Pinheiros e Sesi Bauru iniciam o duelo por uma vaga na decisão do Campeonato Paulista Feminino de Vôlei na próxima quinta-feira (25) às 21h30 no Poliesportivo Henrique Villaboim, com transmissão ao vivo do Sportv. A definição do finalista será em dois jogos, com a segunda partida em 29 de outubro às 19h na casa do Bauru, time de melhor campanha na fase de classificação.

Em caso de uma vitória para cada equipe, a vaga será decidida no golden set no segundo jogo. A outra semifinal será entre Osasco-Audax e Hinode Barueri nos dias 25 e 27, com vantagem para Osasco, atual hexacampeão, fazer a segunda partida em casa. O último título paulista do Pinheiros foi o bicampeonato em 2009/2010. Foi vice-campeão em 2016 e terceiro colocado em 2017.

A última partida do Pinheiros no Paulista foi em 28 de setembro, na vitória por 3 sets a 1 sobre o Osaco-Audax. Com três semanas livres para treinos, o técnico Sérgio Negrão passou o time por uma revisão geral. “Fizemos uma reciclagem física e técnica, com ênfase no ataque e bloqueio. O aprimoramento vale para o Paulista, mas já visa também a Superliga, que vai começar em menos de um mês”, contou o treinador pinheirense.

As jogadoras do Pinheiros, principalmente as recém-chegadas para a temporada 2018/19, têm realizado trabalho intensivo e específico de condicionamento físico. “A Kelsie ganhou massa muscular, está mais forte. A Herrera perdeu sete quilos e a Clarisse, seis. A Fernanda (Tartalha, psicóloga) está trabalhando com o grupo diariamente. O time está se preparando em todos os aspectos”, constatou Negrão.

O técnico do Pinheiros reconhece o Sesi Bauru como o time mais forte do campeonato, mas mantém o otimismo em relação ao confronto semifinal. “Bauru está acima das demais equipes. Não é uma superfavorita, mas é favorita, sim. O ponto de desequilíbrio é a levantadora Fabíola. Vencemos a Copa São Paulo ganhando delas em Bauru”, lembrou-se Negrão sobre a vitória do Pinheiros por 3 sets a 1 no final de agosto.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »