Search
Wednesday 18 September 2019
  • :
  • :

Brasil analisa segundo triunfo diante da Argentina

Brasileiras superam as argentinas por 3 sets a 0, na Arena Suzano, e encerraram série de amistosos com duas vitórias. (Foto: Gaspar Nóbrega/Inovafoto/CBV)

A seleção brasileira feminina de vôlei encerrou a série de amistosos contra a Argentina com vitória. Nesta terça-feira (20.08), o Brasil superou as argentinas por 3 sets a 0 (25/12, 25/12 e 25/14), na Arena Suzano, em Suzano (SP). No primeiro amistoso no domingo (18.08), o time verde e amarelo venceu pelo mesmo placar. Os amistosos serviram de preparação para o Campeonato Sul-Americano que será disputado de 28 de agosto a 1º de setembro, no Peru.

A ponteira Amanda e a oposto Lorenne foram as maiores pontuadoras do Brasil com nove pontos cada. A bicampeã olímpica Sheilla também teve boa pontuação com oito acertos. Ao final do jogo, o treinador José Roberto Guimarães analisou a atuação das brasileiras e falou da importância dos amistosos na preparação do time verde e amarelo para o Sul-Americano.

“Pedi para as jogadoras para manterem sempre o foco durante esses amistosos. Buscamos ter uma melhor relação entre o bloqueio e a defesa, além de uma maior velocidade nos contra-ataques. Acredito que precisamos melhorar o nível de saque, temos que ser mais agressivos. Os fundamentos funcionaram e agora temos que seguir a nossa preparação para o Sul-Americano e a Copa do Mundo”, afirmou José Roberto Guimarães.

A oposta Sheilla, que fez as duas primeiras partidas pela seleção feminina desde os Jogos Olímpicos de 2016, comentou sobre o momento atual do time verde e amarelo.

“Procuramos fazer o nosso jogo e acredito que estamos no caminho certo. O Sul-Americano será mais uma preparação para a Copa do Mundo e o time está se encontrando e se fortalecendo cada vez mais. Foi maravilhoso voltar a jogar com a camisa da seleção brasileira dentro do meu país e com a presença das minhas filhas. Estou muito feliz”, disse Sheilla.

Nesta temporada, a seleção feminina carimbou no início de agosto o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio ao terminar o Pré-Olímpico com três vitórias em três jogos. No final de julho, as brasileiras conquistaram a medalha de prata na Liga das Nações. A fase final da competição foi disputada em Nanquim, na China. Na ocasião, três brasileiras entraram na seleção da Liga das Nações. A levantadora Macris, a ponteira Gabi e a central Bia foram eleitas as melhores das suas posições.

EQUIPES:

BRASIL – Macris, Lorenne, Drussyla, Amanda, Bia e Mara. Líbero – Léia
Entraram – Roberta, Carol, Milka, Camila Brait, Sheilla
Técnico – José Roberto Guimarães




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »