Search
Thursday 22 August 2019
  • :
  • :

Campeã com Eczacibasi, Kosheleva desconversa sobre seleção russa

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

 

Principal nome da partida decisiva entre Eczacibasi VitrA e Pomì Casalmaggiore, domingo, em Manila, na final do Mundial feminino de Clubes, a ponteira Tatiana Kosheleva ainda não sabe se vai defender a seleção russa na temporada que vem. Em entrevista ao site russo Sportfakt, a atacante, que completa 28 anos de idade em dezembro, disse que, no momento, só pensa no clube.

 

“Me perguntaram sobre o desejo de jogar na seleção. Eu disse que não sei o que vai acontecer. No momento, minha prioridade é o clube”, afirmou a jogadora. “Tenho de ver como estarei na primavera (no final na temporada de clubes). Dependerá muito do meu estado de saúde, preferências da família e planos. O Grand Prix é um grande torneio, quando você está 20 anos e ainda não despontou. Dá uma vasta experiência imediata! Mas repito: a conversa sobre a equipe nacional não é muito apropriado. Vamos aguardar a nomeação de um novo treinador”, concluiu Kosheleva, lembrando que o substituto de Yuri Marichev deve ser anunciado no mês que vem.

 

Em fevereiro, jogando pelo Dínamo Krasnodar, Kosheleva sofreu uma lesão no tornozelo e ficou praticamente quatro meses afastada das quadras. Quando retornou, no Grand Prix, sofreu uma contusão nas costas e quase ficou fora das Olimpíadas do Rio.




4
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
Kosheleva MaravilhosaAnastaciaStêniovictor Recent comment authors
  Subscribe  
o mais novo mais velho mais votado
Auto Notificar:
Anastacia
Visitante
Anastacia

Linda e educada. Tem estilo, respeita os fãs. Muito elegante. Sabe que não é o momento de falar da seleção russa que só irá começar o ciclo em 2017. Marichev já esta fora! Virá um novo técnico. Ao que parece será um estrangeiro. Kosheleva e Goncharova, Starteseva, Malova seguem na equipe. Pankova pode ser que continue. As russas perderam no último Mundial e Olimpíadas do Rio devido aos erros na recepção. Sem recepção não tem Gamova que de jeito! Elas venceram os Mundiais de 2006 e 2010 porque apresentaram uma excelente recepção no tie break. Godina e Gamova afundavam a… Ler mais »

victor
Visitante
victor

Seria um sonho Kosheleva jogando aqui no Brasil!

Incrível, ela nem parece que é russa, que nem pertence àquele povo sombrio e mal encarado!

Comportamento impecável em quadra e joga pelo time, apoiando as companheiras! Junto com a chinesa Tin Zu e a americana Larson, com certeza o melhor trio de ponteiras do mundo atualmente.

Stênio
Visitante
Stênio

Eu também fico encantado com o comportamento da Kosheleva. Pensei a mesma coisa em relação a ela ser Russa…kkkk. Não parece (pelas atitudes dentro e fora da quadra) com as outras jogadoras russas que conhecemos! Ela e a Sokolova, por jogarem em outros países e consequentemente se relacionarem bem (aparentemente) com outras nacionalidades, conquistaram minha simpatia.

Kosheleva Maravilhosa
Visitante
Kosheleva Maravilhosa

Seria um sonho mesmo Vitor. Mas a Kosheleva não somente chama a atenção por ser uma russa diferente, mas também por ser uma atleta diferenciada, porque mesmo em outros países “menos frios” é difícil uma jogadora tão querida como ela. Pra somar ainda é uma super craque. Enfim ela é apaixonante.

Translate »