Search
Monday 16 September 2019
  • :
  • :

Circuito Mundial: Alison e Álvaro Filho vão disputar o bronze em Tóquio

Dupla passou por compatriotas Evandro/Bruno Schmidt nas quartas, mas acabou superada por alemães nas semifinais. (Foto: FIVB)

A dupla brasileira Alison e Álvaro Filho (ES/PB) vai disputar a medalha de bronze na etapa quatro estrelas de Tóquio (Japão) do Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. O capixaba e o paraibano venceram os compatriotas Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) pelas quartas de final na madrugada deste sábado (27.07), mas foram superados horas depois no duelo da semifinal, pelos alemães Nils Ehlers e Lars Fluggen.

A disputa do bronze acontece na madrugada deste domingo (28.07), às 2h35 (de Brasília), contra os holandeses Brouwer e Meeuwsen. As duas duplas se enfrentaram uma vez anteriormente, na etapa de Itapema (SC) deste ano do Circuito Mundial, com vitória dos holandeses. O torneio em Tóquio é um evento-teste para os Jogos Olímpicos de 2020 e conta pontos na corrida olímpica brasileira, onde a dupla aparece na segunda posição.

Alison e Álvaro Filho começaram o dia superando os compatriotas Evandro e Bruno Schmidt nas quartas de final do torneio, com vitória por 2 sets a 1 (21/14, 16/21, 16/14), em 54 minutos. Na sequência, encararam na semifinal os alemães Ehlers e Fluggen, que acabaram levando a melhor por 2 sets a 1 (16/21, 21/19, 16/14), em 53 minutos.

Na outra semifinal, os noruegueses Mol e Sorum superaram os holandeses Brouwer e Meeuwsen por 2 sets a 0, com parciais de 21/17, 21/17, avançando à final contra a Alemanha.

Além de Evandro e Bruno Schmidt, André Stein e George também encerraram participação na quinta colocação em Tóquio. Eles foram superados nas quartas de final justamente para Ehlers e Fluggen por 2 sets a 1 (21/19, 22/24, 15/12). Ambos somam 480 pontos no ranking mundial e da corrida olímpica brasileira, e recebem prêmio de cerca de R$ 22 mil. Guto/Saymon (RJ/MS) havia se despedido nas oitavas, na última sexta-feira.

O evento-teste é uma etapa nível quatro estrelas do Circuito Mundial, ou seja, conta pontos para a corrida olímpica brasileira, que define os representantes do país na próxima edição dos Jogos. O torneio em Tóquio distribui 300 mil dólares aos competidores.

O torneio em Tóquio tem formato particular por ser um evento-teste aos Jogos de 2020. Em uma etapa quatro estrelas usual, a fase de grupos é composta por 32 times divididos em oito grupos. Já na competição desta semana, apenas 24 duplas em cada gênero participam, divididas em seis chaves, como ocorre no evento olímpico. Além disso, em uma etapa normal, são dois jogos na primeira fase, contra três partidas no evento-teste.

Tóquio recebe uma etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia pelo segundo ano seguido. Em 2018, porém, a competição era classificada como três estrelas pela FIVB. A classificação das etapas acontece de acordo com a quantidade de pontos oferecidos, o valor da premiação e o tamanho da arena. Os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, e as alemãs Teresa Mersmann e Cinja Tillmann foram os vencedores em 2018.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »