Search
Wednesday 13 November 2019
  • :
  • :

Com seleção renovada, Brasil deixa Londres na lembrança e inicia caminho para 2016

Foto: Antônio Carlos/CBV

Nesta quinta-feira (09/05), a CBV abriu a porta de seu centro de treinamentos em Saquarema para que a imprensa pudesse acompanhar os treinos das seleções feminina e masculina, que se preparam para a temporada 2013.

Campeãs Olímpicas, a equipe feminina do Brasil que treina no Aryzão é totalmente diferente daquela que disputou o torneio em Londres, há menos de um ano. Apenas quatro jogadoras das 15 que treinam estiveram na conquista. Poupando as principais jogadores do time, o técnico José Roberto Guimarães disse estar satisfeito com o empenho das nova convocadas.

“O trabalho está muito bacana porque é um grupo jovem querendo melhorar e empenhado em aprender os movimentos e fundamentos de uma maneira muito intensa. Nós sabemos que vamos ter muita dificuldade porque não vamos conseguir fazer amistosos antes de Montreux. Depois, na Itália, o time já vai estar mais entrosado”, disse José Roberto Guimarães.

O treinador também aproveitou para comentar o que espera realizar nesse ciclo até 2016. “Todas as seleções estão se modificando para esse novo ciclo olímpico. Também já estamos começando a nos preparar para o Grand Prix. Depois, vamos ter a competição mais importante do ano, que é o Sul-Americano por ser classificatório para o Mundial e para a Copa dos Campeões. Temos em torno de 40 jogos internacionais programados nesse ano. Esse é o começo do planejamento para os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016”, afirmou o técnico brasileiro.

Uma das caras novas do time, a oposto Monique traduz nas suas palavras o sentimento de todas que estão ali pela primeira vez. “Fiquei muito feliz pela convocação. É a primeira vez que sou chamada para a seleção adulta. Estou vivendo um sonho. Esse é o objetivo de todo o atleta. Agora quero treinar bem e mostrar o meu trabalho e vamos ver o que vai acontecer”.

Dani Lins, uma das “experientes” do grupo, afirma que o momento nesse início de trabalho é deixar o que passou e focar no futuro. “É gostoso estarmos em um grupo jovem, com meninas novas. Vamos tentar começar o ano com o pé direito. Quando olhamos a foto da Olimpíada, lembramos dos momentos em Londres e damos muitas risadas de algumas situações. É uma lembrança boa, mas sabemos que já passou. Agora o foco é a Olimpíada de 2016. Nós temos que construir uma nova história”.

Os dois primeiros desafios da temporada serão a Montreux Volley Masters, de 28 de maio a 2 de junho, na Suiça, e o Torneio de Alassio, de 4 a 10 de junho, na Itália.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »