Search
Monday 20 January 2020
  • :
  • :

Com técnico super jovem no comando, Jaó Universo se prepara para a final da Superliga B em busca de mais um triunfo diante do Sesc-RJ

Crédito: Anderson Freitas

 

No dia 15 de abril, às 14h10, o Jaó/Universo enfrentará no Rio de Janeiro (RJ) o Sesc-RJ pela final da Superliga B Masculina. A disputa é acirrada entre o primeiro e o segundo colocado na primeira fase do campeonato. O campeão da Superliga B 2017 garante vaga na Superliga 17/18. Vale lembrar que, na fase classificatória, o Jaó/Universo venceu o rival em casa por 3 sets a 1.

 

Hitalo Machado, técnico do Jaó/Universo, tem experiência na Superliga B como auxiliar técnico e está otimista para a grande final. “Ficamos muito felizes com a vitória sobre o Sesc-RJ na primeira fase, mas esse será um jogo diferente. Nosso trabalho de todo o campeonato será finalizado no sábado. Vai ser um jogo difícil, mas vamos estar prontos para nos superar novamente.”

 

Hítalo tem apenas 24 anos e enfrentará o campeão olímpico Giovane Gávio, de 46 anos. Com pouca idade, o técnico goiano mostrou que tem competência para dirigir o time finalista e chegou à decisão com apenas uma derrota em 12 jogos disputados.

 

O capitão do time, Fabiano, que também tem experiência na Superliga B, comenta que o nível do campeonato cresce a cada ano e o profissionalismo aumenta. “Este ano tivemos uma Superliga disputada e, graças a Deus, a campanha do Jaó/Universo foi ótima. A equipe conseguiu fazer uma ótima preparação física e técnica e achar a sintonia do grupo com essa mescla de jogadores experientes e novatos”. Sobre a final, nada está decidido ainda. “Por sermos a única equipe que venceu o Sesc-RJ, acredito que eles virão com uma vontade a mais. Vamos jogar a final, que vale o título de campeão da Superliga B e garante vaga na Superliga A. As equipes irão se confrontar sem vantagens uma sobre a outra. O jogo está zerado e temos 5 sets para buscar o título”.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »