Search
Wednesday 22 November 2017
  • :
  • :

Em entrevista exclusiva, Dani Lins fala sobre a carreira e o Campeonato Mundial

Por Junior Barbosa

Foto: Divulgação

Nos últimos 10 anos, o final das temporadas nos clubes significava o início das maratonas de jogos pela seleção brasileira. Assim foi a vida da levantadora Dani Lins na última década. Porém, a temporada 2017/2018 será diferente. Em uma conversa exclusiva com o Melhor do Vôlei por telefone, a medalha de ouro nas olimpíadas de Londres falou sobre a decisão de não jogar neste período com o objetivo de se dedicar a projetos pessoais, principalmente para realizar o desejo de ser mãe.

 

Em 2015, Dani Lins retornou a Osasco e acertou com o Vôlei Nestlé. A renovação seria simples, mas ela já tinha em mente a pausa. “Estou muito tranquila. Foi algo que amadureci com o meu esposo (Dani é casada com o central do Corinthians, Sidão) e me programei. Nem lembrava direito a última que parei por um mês para conseguir realmente descansar. Agora, é me cuidar e torcer para que a gravidez aconteça. Todo mundo já está perguntando, mas serei a primeira a dar a notícia”, acrescentou.

 

Foto: Reprodução/Instagram

Dani também se mostrou aliviada com o apoio que recebeu dos seus treinadores. “Conversei bastante com o Luizomar (técnico do Vôlei Nestlé) e o clube respeitou a minha decisão. Quando liguei para o (José Roberto Guimarães, técnico do Brasil), ele disse: ‘vá e realize o seu sonho’. Confesso que até assustei, mas fiquei muito feliz com o carinho recebido”, disse.

 

Mesmo com a pausa, os cuidados para manter o físico continuam. “Há poucos dias, voltei de leve e nesta semana já peguei pesado. O meu corpo já estava sentindo falta dos exercícios. Mesmo com a gravidez, manterei uma rotina que garantirá minha volta em boas condições. Retornarei 100% e ainda mais motivada. Podem contar com isso”, frisou.

 

Seleção e volta às quadras

 

Aos fãs, ela avisa que volta para disputar o Campeonato Mundial de 2018 (único título que falta para o país) e almeja seguir como um dos pilares do Brasil para o restante do ciclo olímpico. Entre os planos, jogar na Europa pode acontecer em breve.

 

“Os clubes dão todo o suporte para a jogadora que é mãe. A liga italiana voltou a crescer bastante e tem uma estrutura incrível. A Turquia também oferece ótimas condições. Se acontecer, irei sem problemas. Este é outro sonho que tenho, sem falar da oportunidade de enfrentar as principais jogadoras do mundo. Pode ser um diferencial a ser usado a favor da seleção”, anunciou.

 

Na torcida

 

A entrevista aconteceu enquanto o Brasil estreava no Grand Prix 2017 contra a Bélgica. Até a volta, Dani Lins será uma torcedora de carteirinha. “Enquanto as meninas estão jogando, eu dou uma corridinha na esteira” (risos).

 

Invasão no Instagram do MDV

 

Nesta quarta-feira, 12/07, a campeã olímpica vai invadir os Stories do Melhor do Vôlei. Quer acompanhar ao vivo toda a rotina da levantadora brasileira? Então segue a gente lá: @melhordovolei

 

Já conferiu as promoções de camisas de vôlei na FutFanatics? Corre lá

12




Deixe um comentário

21 Comentários em "Em entrevista exclusiva, Dani Lins fala sobre a carreira e o Campeonato Mundial"

Auto Notificar:
avatar
Ordenar por:   o mais novo | mais velho | mais votado
wpDiscuz
Translate »