Search
Tuesday 18 June 2019
  • :
  • :

Em uma partida acirrada, Botafogo vence Blumenau e fatura o título da Superliga B Masculina

Lorena: “Foi o momento mais importante da minha carreira” (Foto: Marlon Falcão/Inovafoto/CBV)

 

O Botafogo (RJ) jogou em casa e ficou com o título da Superliga B Masculina. Neste domingo (14), a equipe carioca venceu o Apan Blumenau (SC) na decisão por 3 sets a 1 (25/16, 22/25, 26/24 e 25/21), no ginásio Oscar Zelaya, no Rio de Janeiro (RJ). Por terem chegado à final, as duas equipes garantiram vaga na próxima edição da Superliga Cimed.

 

O Botafogo terminou a Superliga B masculina, com 12 vitórias e apenas uma derrota. O histórico do voleibol no Botafogo vem de longa data. A equipe conquistou o título brasileiro em quatro edições na década de 1970 (71/72/75/76), mas na era da Superliga Cimed, o alvinegro ainda não tinha nenhuma participação na primeira divisão. Foram quatro participações na Superliga B desde 2016, e em todas elas o clube carioca chegou entre os quatro primeiros.

 

Um dos destaques na conquista do Botafogo, o experiente oposto Lorena, de 40 anos, estava muito emocionado no final da partida e fez questão de agradecer o apoio do time carioca.

 

“Foi o momento mais importante da minha carreira. Ano passado não fiz uma boa temporada no Montes Claros e só tive uma proposta para jogar a Superliga. O Botafogo acreditou no meu trabalho e abriu as portas para mim. Trabalhei bastante e me dediquei muito. Esse grupo é maravilhoso. É uma equipe nova e com talento. Muitas vezes eu fui pai para esses jogadores e precisei chamar a responsabilidade para mim. Foi muito emocionante porque esse clube me mostrou que eu ainda posso jogar voleibol. Eu me sinto em casa no Botafogo”, afirmou Lorena.

 

O treinador do Botafogo Walner Santos comemorou o título e parabenizou o grupo alvinegro pela dedicação ao longo da temporada.

 

“Tenho muita gratidão por todo esse grupo. Estou há algumas temporadas no Botafogo e sempre acreditamos no projeto. Tenho que agradecer ao clube, aos atletas, a comissão técnica, a diretoria e a essa torcida maravilhosa que foi fundamental para o nosso título”, disse Walner Santos.

 

Pelo lado do Apan Blumenau, o técnico André Donega lamentou a derrota, mas ressaltou a boa temporada do time catarinense e a classificação para a Superliga Cimed.

 

“Estou muito contente de estar nesse projeto que há quatro anos batalhava para estar na Superliga Cimed e essa temporada conseguimos esse objetivo. Fico feliz com o trabalho que fizemos com nossos atletas. Crescemos como equipe e só tenho que agradecer tudo o que aconteceu nesse ano. Infelizmente tivemos algumas lesões na temporada, mas fizemos uma ótima partida nessa final contra o Botafogo”, finalizou André Donega.

 

EQUIPES:

BOTAFOGO – Gelli, Lorena, Robinho, Cardozo, Mudo e Salles. Líbero – Wanderson/Caio
Entraram – Renan, Tiago, Bruno Godoy,
Técnico –

APAN BLUMENAU – Felipe, Jamelão, Lucaian, Kelvin, Arthur e Samuel. Líbero – Dayan
Entraram – Thiago Alves, Bob, Ricardo, Matheus, Bernardo,
Técnico – André Donega




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »