Search
Monday 26 August 2019
  • :
  • :

Estatísticas da Superliga apresentam falhas e informações incompletas

Desde a semana passada, a oposto Natiele (Sesc RJ) aparece como melhor jogadora na posição levantamento. (Foto: Reprodução da internet)

Por Júnior Barbosa

Desde que a Superliga 2017/2018 começou, muitos torcedores perceberam a mudança nas estatísticas promovida pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Porém, algumas informações geraram questionamentos, como os critérios para escolha das melhores atletas por fundamento, além da ausência da lista completa das pontuadoras, por exemplo. Além disso, poucos live scores funcionaram até o momento e as estatísticas finais do jogo demoram para ser disponibilizadas.

Desde a semana passada, a oposto do Sesc RJ, Natiele Gonçalves, aparece como melhor levantadora da rodada e o fundamento não cita as atletas que são destaques no quesito. As dúvidas também pairam sobre como se dará a premiação para as melhores, pois alguns fundamentos aparecem com divisões, como por exemplo o bloqueio, com estatística geral e com porcentagem por sets, como também acontece com as pontuadoras. Enquanto Tandara (Vôlei Nestlé) leva a melhor em sets disputados (5,19 pontos por set), Edinara (Hinode Barueri) libera por pontos totais (92) até o momento.

O Melhor do Vôlei entrou em contato com a CBV para questionar as imprecisões. De acordo com o Superintendente de Competições de Quadra da CBV, Renato D´Ávila, a mudança aconteceu para atender pedido dos times. “Durante anos, as equipes criticaram os resultados, critérios e premiados das nossas Superligas. As equipes sempre questionaram a defasagem entre os números oficiais que eram produzidos por uma empresa terceirizada frente aos números gerados pelos especialistas de cada clube. Em nossas reuniões de avaliação este era um assunto recorrente”, afirmou.

D´Ávila também confirmou a chegada de uma nova empresa para as estatísticas. “Nesta temporada, resolvemos contratar a empresa Data Project, a mesma utilizada por 99% dos clubes, que também é a oficial de vários campeonatos europeus, como o italiano e da FIVB (Federação Internacional de Vôlei). Porém, para que os dados subam e sejam disponibilizados, dependemos agora dos clubes (Analistas de Desempenho), que disponibilizam os números gerados por eles ao final da partida”, acrescentou.

Para sanar os problemas, a CBV diz que está atuando em conjunto com os clubes o alinhamento de condições técnicas para que o live score esteja disponível o mais breve possível, pois o software dispõe desta funcionalidade. Alguns já foram realizados na rodada atual, de acordo com a confederação. No final de semana, nossa equipe acompanhou o placar de dois jogos e, em ambos, as atualizações aconteceram com atraso.

Sobre a falta de dados nas estatísticas, a questão segue sem definição. “Alguns critérios de avaliação realmente não estarão mais disponíveis, e será decidido ainda, em conjunto com os clubes de que forma serão premiados os melhores da temporada”, finalizou D´Ávila.




3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
CostaZhu PingPaula Bissoli Recent comment authors
  Subscribe  
o mais novo mais velho mais votado
Auto Notificar:
Costa
Visitante
Costa

A estatística ta ruim mesmo. Ate pra acompanhar o resultado ta sendo complicado.

Zhu Ping
Visitante
Zhu Ping

Natiele nao eh nem melhor oposto imagina se vai ser melhor levantamento

Paula Bissoli
Visitante
Paula Bissoli

Que lambança! !!! Não tô falando!

Translate »