Search
Saturday 20 July 2019
  • :
  • :

Ivna quer vitória sobre o Minas como “presente de aniversário”; Thaisa volta ao Molico

Ivna diz que Osasco já está aprendendo com os erros da Copa Brasil (Foto: João Pires/Fotojump)

Ivna diz que Osasco já está aprendendo com os erros da Copa Brasil (Foto: João Pires/Fotojump)

Na expectativa de completar 25 anos no próximo domingo (25), a oposta Ivna, do Molico Osasco, está disposta a dar um presente antecipado a si mesma: a vitória sobre a Camponesa/Minas, em partida programada para 21h30 (horário de Brasília) dessa sexta (23), em Belo Horizonte.

“Vamos ter um jogo difícil, mas quero muita essa vitória. Seria um ótimo presente de aniversário”, comentou a atleta, que coincidentemente nasceu em Minas Gerais. De acordo com ela, o Osasco já está absorvendo as lições da derrota para o Sesi na semifinal da Copa Brasil, na semana passada. “Começamos jogando muito bem taticamente, porém, acabamos nos desconcentrando em alguns momentos e não soubemos sair das dificuldades. Mas já estamos trabalhando neste aspecto para melhorarmos”, analisou.

Para ajudar Ivna ser presenteada, o Osasco contará com um importante reforço: Thaisa, que volta ao time após três semanas de ausência devido a uma lesão na região lombar.

“Estou muito feliz e quem me conhece sabe que fico irritada e impaciente para voltar quando estou lesionada. Na semana passada fiz um treino e, quando senti dor, fiquei frustrada. Eu sou ansiosa e não gosto de ficar sem jogar. Até quando estou de férias quero voltar logo porque a vontade de estar em quadra é sempre grande. Sei que ainda não estou 100%, mas vou fazer o máximo para poder ajudar. Fiz apenas três treinos após três semanas parada, mas estou me esforçando para retornar ao meu melhor nível o mais rápido possível”, afirmou a central da seleção brasileira.

Outra referência da equipe, a líbero Camila Brait exalta a capacidade da companheira e aponta os fatores que o time pode ajudar no desempenho de Thaisa. “Ela é uma das melhores jogadoras da atualidade e faz a diferença em qualquer time do mundo. A presença dela vai nos ajudar bastante e poderemos auxiliá-la com uma boa cobertura e o passe na mão. A Thaisa, na maioria das vezes, enfrenta marcação dupla no bloqueio e a recepção com qualidade facilitará a distribuição da levantadora e pode colaborar para que ela, em alguns momentos, encare apenas um bloqueio simples pela frente”, explicou a defensora.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »