Search
Wednesday 21 August 2019
  • :
  • :

Liga dos Campeões masculina chega ao Final Four com favoritismo para o Zenit Kazan

Fotos: Divulgação/CEV

Fotos: Divulgação/CEV

 

Asseco Resovia Rzeszów, Cucine Lube Marche Civitanova, Diatec Trentino e Zenit Kazan decidem neste fim de semana, na Cracóvia (Polônia), a Liga dos Campeões masculina da Europa. As quatro equipes tem campanha muito parecida na competição, mas a situação de cada um deles nos respectivos campeonatos nacionais atribui ao time russo certo favoritismo.

 

Difícil não apontar o Zenit Kazan como principal candidato ao troféu deste ano. Enquanto o time da casa está às vésperas das semifinais da Plus Liga e os italianos estão a um passo da eliminação no campeonato local, os campeões do ano passado disputam o Final Four já como tricampeões nacionais – a Superliga Russa foi disputada em pontos corridos nesta temporada e o Zenit foi campeão a três rodadas do final. O time conta, possivelmente, com o melhor trio de ponteiros atacantes do mundo: León, Matt Anderson e Mikhaylov.

 

O Asseco Resovia Rzeszów pulou os playoffs e foi direto às semifinais. O time polonês venceu os seis jogos da primeira fase e encara, no sábado, o time de Kazan por uma vaga na decisão. A única derrota do Zenit em toda a Liga foi justamente para uma equipe polonesa (2 a 3 para o Skra Belchatow, na Rússia). O oposto do Rzeszów é o titular da Seleção Polonesa, Bartosz Kurek. O levantador do time e da seleção nacional, Fabian Drzyzga, disse apostar no fator casa para levantar a taça.

 

A outra semifinal é italiana. Cucine Lube Banca Marche Civitanova e Diatec Trentino só perderam uma partida na competição até aqui e se apegam à Liga dos Campeões para, provavelmente, salvar a temporada. Com o DHL Modena campeão da Supercopa e da Copa Itália, os dois rivais estão nas semis da Liga Italiana e perdendo suas séries melhor de 5 por 2 a 0.

 

Há, no duelo italiano, um favoritismo para o Civitanova, que tem o melhor libero do mundo, o francês Grebennikov, e conta com o incansável oposto Miljkovic e o ítalo-cubano Juantorena. O Trentino, por sua vez, está desfalcado de sua principal contratação da temporada, Matey Kaziyski, que não voltou do Japão a tempo de ser inscrito na competição continental. No entanto, quando as equipes se enfrentaram nas semifinais da Copa Itália, a vitória foi do Trentino, que ainda não tinha o ponteiro búlgaro, mas contou com um Mitar Djuric inspirado.

 

Rzeszów e Zenit Kazan se enfrentam a partir das 11h30, pelo horário de Brasília, ao que Civitanova e Trentino entram em quadra às 14h30. O BandSports transmite as duas partidas.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »