Search
Friday 22 November 2019
  • :
  • :

Marido de Camila Brait desabafa no Instagram: “Abrimos mão do nosso primeiro filho”

Crédito: Reprodução/Instagram

Crédito: Reprodução/Instagram

 

Nesta segunda-feira (18/07), foram anunciados os três cortes que faltavam para definir as 12 atletas que representarão a Seleção Feminina nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Entre as jogadoras que foram desligadas do grupo, estava a líbero Camila Brait (além de Roberta e Tandara). O técnico José Roberto Guimarães optou pela ida da líbero Léia, um dos destaques na conquista do título do Grand Prix, no lugar da jogadora do Vôlei Nestlé Osasco.

 

Após o anúncio do corte, Caio Conca, marido de Camila, se manifestou em sua conta do Instagram e chegou a revelar que o casal abriu mão de ter um filho, em virtude da carreira da jogadora. Acompanhe na íntegra a postagem de Caio:

 

“Hoje tive a noção do que é ser um pai. Sabe quando você prefere que aconteça com você e não com o seu filho? Paixão, você não merece isso. Qualquer um menos você. Eu mais do que ninguém presenciei a sua dedicação e tudo que abdicou pra estar aí. Abrimos mão do nosso primeiro filho. Não houve um único dia em 8 anos que você deixou de treinar e se doar para seu país. Que isto sirva de lição pra sua vida. Continue fazendo sua parte, como sempre fez, mas não espere justiça ou reconhecimento. Faça sempre por você e por sua família. Peço apenas que não se sinta menosprezada. Pra comissão você pode não ter sido suficiente, mas pra mim, sua família, seus amigos e o Brasil todo você com certeza é a melhor. São muitos anos levando alegria pra todos os amantes do vôlei com seus milagres! E isso não pode parar! Te amo muito e faria o que fosse preciso pra reconhecerem a sua grandeza. @cbrait”




49
Deixe um comentário

avatar
23 Comment threads
26 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
30 Comment authors
FlaviaMaria PereiraMy FriendBarrosoRafa Recent comment authors
  Subscribe  
o mais novo mais velho mais votado
Auto Notificar:
Maria Pereira
Visitante
Maria Pereira

Muito me admira a Brait ter deixado o marido fazer um comentário desse em público.
É convocado quem joga melhor e ponto. Se a Léia estava melhor, é engolir o choro e tentar melhorar.
Ridículo isso. O que o ZRG tem a ver com eles terem deixado de ter filho? Ou ela é uma profissional do vôlei ou não.
Pára de mi mi mi e tenta melhorar o nível do voleibol dela que é somente bom, nada mais que isso.

Flavia
Visitante
Flavia

Vamos ver se a Leia é essa Coca-Cola toda, Pereirão. Brait mostrou na bola, o porquê de ser titular no último Mundial e não ganhou o prêmio de melhor líbero, pela politicagem da picareta FIVB. Leia jogou bem contra a deficiente Rússia e contra os EUA, mas esquecem que ela quinou passe atrás de passe no Grand Prix do ano passado.

My Friend
Visitante
My Friend

Nessa horas é melhor respirar, contar até 10 e pensar muito na hora de postar alguma coisa.
Nesse esporte de alto rendimento a diferença técnica é pequena, então seria sábio respeitar a opinião do treinador.
A sorte desse cidadão que o José Roberto parece ser uma pessoa sensata e não será por um comentário infeliz como esse que vai deixar de convoca-la em outras oportunidades.
Sorte para seleção brasileira, pelo menos nesse esporte nosso país está bem representado.

Olesia Rykhliuk
Visitante
Olesia Rykhliuk

O cara é marido da atleta e tem todo direito de se expressar da forma que achar melhor!

TITANIC 100 ANOS
Visitante
TITANIC 100 ANOS

SERÁ SE P ZÉ QUER FAZER DA ADENÍZIA UM “MURSERSKY” DA VIDA???????? VEREMOS

TITANIC 100 ANOS
Visitante
TITANIC 100 ANOS

Há muito tempo comentei, não sei aqui, sobre a ociosidade de Brait logo após a aposentadoria da Fabi. Pois bem, desde que ela assumiu a titularidade e não foi bem no mundial e em outros jogos pela seleção e inclusive no seu clube , o Osasco, ela não tinha uma outra jogadora que a ameaçasse na posição. Pois bem, sabemos que Brait é sim uma jogadora talentosa, brilhante e tem uma linda relação com as demais, é muito boa de grupo , mas convenhamos e reconheçamos que brait perdeu pra ela mesma e que Léia conquistou essa vaga por méritos… Ler mais »

Paulo Roberto
Visitante
Paulo Roberto

Acho que o José Roberto nunca confiou plenamente na Camila, segundo noticiado ele tentou que a Fabi abrisse mão da aposentadora da seleção, e pediu para Sassá passar a jogar de libero, pois teria chance, e colocar a Leia para jogar a final do Grand Prix, foi o prenuncio que ela não seria aproveitada

Adriana Nascimento
Visitante

Cada escolha é uma renúncia. Que o diga Fabíola. Brait é muuuito talentosa e a vida de líbero é longa. Léia foi melhor, ganhou na bola. Boa sorte a todas.

Duka Relli
Visitante
Duka Relli

A Fabi(zinha) só não está relacionada porque abriu mão da seleção, se ela fosse egoísta, estaria na seleção, aí! nem Brait nem Léia. Mas isso é uma outra conversa.

maria
Visitante
maria

Errado mesmo é essa regra absurda de só levar 12 jogadoras.
Isso é que tem que mudar.

Duka Relli
Visitante
Duka Relli

Verdade. Poderia inscrever quantas quisessem. Dentro de quadra, nas partidas, o número seria limitado. Acho que tem a ver com condições financeiras de certas equipes (seleções). Acho eu que dá um certo equilíbrio, pois tem equipes que não tem o potencial técnico e financeiro para bancar um grande número de atletas no exterior (transporte, hospedagem, alimentação), mas se pudesse inscrever 15 seria bom, embora, sempre teríamos um atleta que gostamos de fora e um ‘familiar reclamando’.

Barroso
Visitante
Barroso

Essa é uma imposição do COI, nas olimpíadas nåo tem apenas o Vôlei. Imagine se todos os países, quase 200, levassem a quantidade de atletas que quisessem em todos os esportes. Não ia existir vila olímpica que desse conta.

maria
Visitante
maria

14 que eu acho justo

Junior
Visitante
Junior

Quanto babacão comentando, Leia atuou bem em dois joguinhos e os paspalhos já a colocam em um nível estratosférico. Brait fez chover no Mundial da Itália e se atuou mal no início do Grand Prix, foi porque toda a seleção estava em fase de adaptação, ritmo de jogo e por estar pesada pelo forte ritmo de malhação. Zé Panela deveria levar Paula Borgo ou Brait vai levar apenas uma oposta que está melhorando paulatinamente, uma líbero que ainda não está consolidada e duas centrais, que no máximo jogarão dois sets contra argentinas e camaronesas e que servirão como líderes de… Ler mais »

Duka Relli
Visitante
Duka Relli

Falou o advogado. Tem contradição no teu texto meu caro, se tu dizes que Léia não está consolidada que dirá essa tal Borgo, que atualmente ninguém sabe quem é.

Junior
Visitante
Junior

Uma coisa é ser titular absoluta (tendo um histórico de contusões) e única na posição e outra é levar uma reserva, em uma função em que estamos carentes. Lang Ping levará Gong, Bonitta levará Egonu, Kiraly levará Lowe, Terzic levará Boskovic (certo que já uma jogadora consolidada), pq não levar Borgo, se é jovem, alta, de forte ataque e de personalidade como as demais. Entendeu Duka Ralho?

Barroso
Visitante
Barroso

Trabalho com volei hä mais de 20 anos. E já passei muito por isso, o corte ė sempre muito chato e nunca vai agradar a todos. As duas líberos se equivalem, mas o dia a dia ė que dá certeza ao treinador. Porque a Fabi e Serginho såo preferência de 9 entre 10 técnicos? segurança, confiança. Os dois não lideram as estatísticas, mas qdo precisam cobrem meia quadra. Fabi fez isso em Londres, contra as russas, e, principalmente, na final, liberando Garay e Jaque para atacar. Pq acham q Jaque atacou tanto na final? Lėia e Camila não são Fabi… Ler mais »

Ray
Visitante

Não sei porque a maioria quer duas liberos e deixar uma central. Alguém poderia dizer quem substitui uma central? Oposta todas as ponteiras podem substituir. A função de líbero, passe e defesa, é especialidade da Jaqueline, que por acaso também ataca e bloqueia, senão estaria ali. Também não gosto da Adenizia, temos centrais melhores, mas não seria o caso mesmo de trocar central por líbero.

Hilma Caldeira
Visitante
Hilma Caldeira

Um dos poucos posts sensatos. Assino embaixo e aponto que is corte seguiram o critério anunciado há meses, qual seja, convocar jogadoras com possibilidades de atuar em funções diferentes. A posição de líbero é excessivamente especializada, com duas funções apenas: passe e defesa. Se a Brait pudesse atuar como uma terceira levantador ou, pelo menos, tivesse um saque mortal, teria tido melhores chances; mas nem isso. É uma líbero de origem, no momento sem nenhum diferencial em relação à Leia. Nenhum técnico com a cabeça no lugar desperdiçaria uma convocação assim apenas para premiar o esforço da jogadora. Já a… Ler mais »

Fabio
Visitante
Fabio

É preciso reconhecer que a outra vive melhor momento. Brait você ainda é nova e logo estará de volta a seleção. Continue se dedicando.

Felipe Baptista
Visitante

Deve ser doloroso para o atleta (e familiares) ficar de fora de uma olimpíada, principalmente no seu país. Agora falar em sacrifício..por favor né. TODAS as atletas que lá estão fizeram ou estão fazendo. Infelizmente faz parte da profissão e a própria Brait escolheu isso!

É uma decisão difícil inclusive para o técnico. Não foi pessoal, é pensando no melhor para o time. Não pode levar as jogadoras simplesmente por sua simpatia e amizade.

De cabeça quente falamos besteira, no caso, ele falou e MUITA… desrespeitou não só as jogadoras que foram convocadas mas também a comissão técnica.

l.mesquita
Visitante
l.mesquita

Houve grande evolução no clima dos cortes entre 2012 e 2016. Em 2012 os cortes foram muito tensos e a seleção parecia amargurada com os cortes: Fabíola e Juciely no saguão do aeroporto, Mari na lavanderia e Brait já lá em Londres. Dessa vez os cortes foram mais tranquilos e menos grosseiros. Enfim, todos já sabiam que a última vaga estava entre Brait e Adenízia, 2 líberos ou 4 centrais, restava ao Zé deicidir o que seria mais seguro para a seleção. Confesso que achava mais seguro levar 2 líberos pelo histórico de contusões da Leia e pela experiência da… Ler mais »

aline
Visitante
aline

Acharia mais coerente levar 2 líberos do que 4 centrais pela experiêcnia da Brait e o histórico de contusões da Léia.

Andre soares
Visitante
Andre soares

Bom…..as duas líberos sao boas…Eu nao levaria 4 centrais…apenas 3 e levaria as duas liberos..
Caso aconteça uma lesão em leia (Deus a livre) como ficará essa posiçao?
Acho que nem pensaram nessa possibilidade

Reih Santos
Visitante
Reih Santos

Pensaram sim, a Jaque assume o passe. O Zé Roberto é um vencedor , se tem alguém que sabe o que faz é ele. Tinha a esperança que a Paula Borgo entrasse aos 45 do segundo tempo mas não deu. Agora vou torcer muito pelas meninas.

Géssica
Visitante
Géssica

Amigo já imaginou se a Malova se lesionar? Vão colocar a Malygina de líbero. Já imaginou se a Banwarth se lesionar? Vão colocar a Thompson de libero e se a Leia se lesionar? Tem a coringa Adenizia.

Cidão
Visitante
Cidão

Deveria ter levado as duas, pois passe tem dia que uma pode estar melhor que a outra. Deveria ter levado a Roberta também e cortado uma central, afinal as centrais reservas talvez nem joguem nenhuma partida, Thaisa e Fabi estão arrebentando e são as melhores jogadoras atuais do time. Se a Dani Lins não tiver bem algum jogo, quem vai entrar, a Fabíola que segundo dizem está 8 kg acima ?

Cesar Santos
Visitante
Cesar Santos

Léia super merecido, bem mais capacitada e segura que a Brait, ainda bem que o Zé enxergou isso a tempo. Quanto a posição de saída, voce imagina uma Helô, de 1,88m, oposta brasileira que mais pontuou na superliga, sendo preterida por uma circense animadora de auditório…

No mais é esperar a adenizia nos presentear e nos divertir com outra china intergalática como a da olimpiada de londres.

Luis
Visitante

Isso sim é de chocar…e ficam choramingando essa coisa de brait pra la, brait pra cá

Almir
Visitante
Almir

Eu concordo que a Helo fez uma grande Superliga, mas ela nunca serviu a Seleção Brasileira. Acha que iria para uma Olimpíada ?

Junior
Visitante
Junior

Ele não está menosprezando a Leia. A gente não sabe sobre a vida das pessoas. Ele deu a entender que ela abriu mão da própria vida pela seleção e no fim não deu em nada. E que ela deve focar mais na própria vida, no sonho de ter um filho do que no sonho de ganhar uma medalha, exatamente como a Fabíola fez. Prioridades.

Natalhaeva Volochovos Ivnaova
Visitante
Natalhaeva Volochovos Ivnaova

O que ele escreveu está correto, porém da “maneira” como ele expôs, ficou estranha. Primeiro que deu a entender que ela esperava algum “reconhecimento” pelos 8 anos de dedicação, assim como ela se dedicou os demais também.

E ela deve sim saber o que prioriza na vida, como ele bem citou, se ela escolheu isto e colheu isto, tem que aceitar e virar a página. Como dizem, acontece nas melhores famílias.

Bola pra frente e agora se apresentar semana que vem aos treinamentos do Osasco e “se for o caso” constituir uma família linda e feliz, pois eles merecem.

Elisa Galastri
Visitante
Elisa Galastri

Ele deixou claro que ela escolheu algo e não foi valorizada, seu esforço não foi reconhecido. Dando a entender que Leia
foi favorecida. Declaração desastrosa!

Junior
Visitante
Junior

Ele não falou diretamente da Leia, mas da comissão, pois eles poderiam levar mais uma líbero no lugar da Adenisia que não fez praticamente nada durante o ciclo, por exemplo. De qualquer forma, ele está de cabeça quente e é torcedor. A gente reclama aqui nos fóruns como quando a Mari e Fabíola foram cortadas depois de tanto esforço para entrar de surpresa uma Fernandinha em bom momento, ele fez o mesmo…

Tinho
Visitante
Tinho

Filho ela pode ter a hora que quiser. Até parece que todo mundo só pensa em ter filho em ano olímpico.. kkkk

Géssica
Visitante
Géssica

Ele está de cabeça quente…é triste mesmo você se dedicar ao máximo ( um ciclo inteiro) e no momento que você precisa estar no topo você cai (grand prix onde a leia carimbou seu passaporte para o rio). Triste mesmo, mais agora é superar e pensar na proxima temporada onde Osasco precisa MUITO de você.

Natalhaeva Volochovos Ivnaova
Visitante
Natalhaeva Volochovos Ivnaova

Na verdade, ele postou de cabeça quente. Pois, todo mundo sabe que olimpíada e qualquer esporte é momento, o melhor sempre deve ser sempre o selecionado, talvez se eu fosse o técnico deixaria a Adenizia e levaria a Brait.

Mas temos alguns casos de pessoas que deram a volta por cima.
A Fabíola, A Fofão que ficou anos na sombra da venturini.
O Eder da seleção que participou de uns 3 ciclos e só foi convocado agora, temos outros casos tbm. Se ela estivesse em alto nível o qual ela já esteve no passado com certeza tava dentro.

maria
Visitante
maria

Camila deve pedir pro marido tirar esse post lamentável.
Parece que só ela que se dedicou, a outra atleta não.
Ainda está queimando o filme dela com comissão técnica.
As duas são excelentes, mas Leia estava em um momento melhor agora.

Natalhaeva Volochovos Ivnaova
Visitante
Natalhaeva Volochovos Ivnaova

Lamentável é pouco, dá a impressão que ela sofreu uma injustiça, que não é o caso. A Léia só conquistou a vaga na bola e a Camila já vinha de sobreaviso desde 2014, foram dois anos pra correr atrás.

Rafa
Visitante
Rafa

Verdade. Fica parecendo que a Léia bem se esforçou. Ele foi muito infeliz!!

manu
Visitante
manu

muito drama ! fabiola tb passou por isso assim como juci , superaram e deram volta por cima ! camila e boa mas leia esta bem melhor, mereceu ! tenham o filho de vocês agora e que deus abençoe, sucesso no Osasco !

Junior
Visitante
Junior

Em algum momento a reportagem diz que a Brait não aceitou o corte como Fabíola e Jucy? Na final do Grand Prix até flagraram ela já conformada falando para a Jaque “Este foi meu último jogo”. Quem escreveu um texto foi o marido dela de cabeça quente, sabendo o quanto isso significava para ela! Vamos separar as coisas…

Luis
Visitante

Isso mesmo, supera vai ter deu filho e pronto, para de drama

Luis
Visitante

Ridiculo…só mostra que é uma jogadora medíocre e que acha que meritocracia é algo na vida…se esqueçe que construir carreira é isso….tem bônus e ônus….e mais uma atitude nafa esportista….

Junior
Visitante
Junior

Primeiro que não foi ela, foi um marido frustrado e de cabeça quente que não pôde ser pai e teve de ficar longe da mulher durante muito tempo visando a glória, apoiando o sonho dela de ser campeã olímpica em casa.

Segundo que… nossa, que coração gelado :s

Maricreidi
Visitante
Maricreidi

Tanto punheta pra nada…

Géssica
Visitante
Géssica

berroooooooo

Junior
Visitante
Junior

Só queria entender pq ela é uma “jogadora medíocre” “nafa esportista” e tudo mais o que vc falou se na final do Grand Prix até flagraram ela já conformada falando para a Jaque “Este foi meu último jogo”.

Olesia Rykhliuk
Visitante
Olesia Rykhliuk

Criatura, vai aprender a escrever antes de criticar os outros.

Translate »