Search
Tuesday 19 November 2019
  • :
  • :

Para González, Brasil Kirin tem que entrar com a “faca entre os dentes” no duelo contra Voleisul

Crédito: Divulgação/Brasil Kirin Vôlei

Crédito: Divulgação/Brasil Kirin Vôlei

 

O Vôlei Brasil Kirin dará uma pausa na briga pelas primeiras posição da Superliga para um novo confronto decisivo, desta vez, pela Copa do Brasil de Voleibol. O time campineiro volta às quadras para encarar o Voleisul/Paquetá Esportes, nesta quinta-feira (21), às 18h30, no Ginásio do Taquaral, em Campinas, em duelo que vale vaga na decisão do torneio nacional. A partida terá transmissão da Sportv e da TV Brasil.

 

Por ser anfitrião do torneio, o Vôlei Brasil Kirin entrou direto na semifinal, enquanto os gaúchos precisaram eliminar Montes Claros e Funvic/Taubaté para chegar nesta fase. Ainda na quinta-feira, mais tarde, às 21 horas, no mesmo local, Sada/Cruzeiro e Sesi-SP disputam a outra semifinal. A decisão está marcada para sábado (23/01), às 21 horas, com o vencedor dos dois jogos, novamente no Ginásio do Taquaral. Campinas ainda será sede do torneio feminino, no último final de semana de janeiro.

 

“É uma chance de darmos uma respirada e esquecer o que passou na Superliga. É a hora de mudar. A Copa do Brasil é um torneio com uma vibração diferente, tiro curto, mata-mata, que mexe com o ânimo dos atletas. Ao lado da nossa torcida, temos a chance de conquistar um torneio nacional, o que nos deixa ainda mais motivados para entrar em quadra”, comentou o treinador Alexandre Stanzioni.

 

O Voleisul é velho conhecido do time campineiro. As equipes se enfrentaram pela Superliga no final do ano passado e o Vôlei Brasil Kirin levou a melhor, vencendo por 3 a 0, em Novo Hamburgo. Mesmo assim, o técnico campineiro espera um duelo equilibrado, com características diferentes do último jogo.

 

“Eles estão numa crescente, vem de treinador novo. Esse fator, por si só, já muda um cenário todo. Por isto, esperamos uma partida complicada, com uma atmosfera que pode deixar o jogo pilhado, já que é eliminatório. Por isto, se mantivermos a tranquilidade e cumprirmos bem nosso plano, temos boas chances de conseguirmos sair com a vaga na final”, completou Stanzioni.

 

Quem também espera uma partida acirrada é o levantador argentino Demian González. “Sabemos que do outro lado tem uma equipe qualificada, mas temos que entrar em quadra com a faca entre os dentes. Jogando em casa, numa semifinal como esta, temos que impor nosso ritmo e ir com tudo para buscar a vitória. Tenho certeza que podemos fazer um grande jogo”, encerrou o camisa 8.

 

 




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »