Search
Sunday 25 August 2019
  • :
  • :

Pinheiros faz apresentação oficial da equipe para a temporada 2019/2020

Daniel Vorley/ECP

Na última semana, o Esporte Clube Pinheiros fez a apresentação oficial de sua equipe feminina de vôlei para a temporada 2019/2020. Durante o evento o time passou por um media training (treinamento de imprensa) e seção de fotos, além de receber as boas-vindas de membros da Diretoria do Clube e Patrocinadores da modalidade. E dando continuidade à programação, o elenco que continua sobre o comando do técnico Sérgio Negrão, também aproveitou a ocasião para atender a imprensa e falar sobre as expectativas para esta nova campanha.

O Pinheiros que tem tradição no principal campeonato nacional de vôlei, tendo participado de todas as edições da Superliga, desde a primeira realizada em 1976, na temporada passada acabou tendo alguns percalços que prejudicaram o desempenho do time que acabou ficando na nona colocação. Para a 2019/2020 o time manteve boa parte do elenco e se reforçou com seis novas contratações. Além disso, contará também com atletas que subiram da base, algumas que já atuaram na última temporada e outras que se juntaram agora.

“A revelação de novos talentos está no próprio DNA do Clube, ele tem esta vocação. Nomes hoje consagrados já passaram pelas quadras do Pinheiros: Fernanda Garay, Fabíola, Macris, várias jogadoras. E esta vocação a gente espera fazer com bastante competência nesta temporada, temos bastante atletas jovens com perfis muito interessantes e que juntas com as mais experientes vão dar a composição certa de um grande resultado. É claro que precisamos ter sorte, o ano passado tivemos alguns reveses como uma gravidez, outra atleta com apendicite, que influenciaram consideravelmente. Não tendo estes mesmos problemas, eu acredito em uma temporada melhor”, avalia o técnico Sérgio Negrão.

A Experiência das Veteranas

Tendo renovado com o Clube para mais uma temporada, a ponteira Clarisse Peixoto, de 32 anos, que é uma das veteranas do grupo, terá um desafio a mais na temporada, assumindo também o papel de capitã da equipe.

“Eu acho que a minha expectativa e o meu principal desafio é passar um pouco da minha experiência. Eu como uma jogadora que já jogou fora do país, que já teve passagem por muitas equipes, espero poder conseguir passar esta experiência e segurança, principalmente para as meninas da base, que estão em transição. Espero poder ajudar no amadurecimento na quadra e fora dela”, comenta Clarisse.

A capitã ainda completa que ter uma equipe mais jovem tem um lado bem positivo, pois acredita que as atletas mais novas estão sempre mais abertas e dispostas a aprender e agregar ao grupo.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »