Search
Tuesday 17 September 2019
  • :
  • :

Rio 2016: Disputa do bronze teve virada, tie-break e um personagem especial

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

 

A manhã deste domingo (21/08) marcou a disputa pela medalha de bronze no torneio de voleibol masculino dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Estados Unidos e Rússia protagonizaram uma partida história, decidida somente no detalhe. Os europeus saíram vencendo as duas parciais iniciais. Comandados pelo experiente ponteiro William Priddy (38 anos), que ficou na reserva durante toda a competição, os norte-americanos reverteram o resultado e levaram a melhor por 3 sets a 2 (23-25, 21-25, 25-19, 25-19 e 15-13).

 

Os maiores anotadores do confronto foram o oposto Matthew Anderson, com 21 pontos (18 em ataques, 2 em bloqueios e 1 em saque), seguido por Priddy, com 18 (17 em ataques e 1 em saque). Entre os russos, com 14 bolas no chão cada, os destaques ficaram por conta de Bakun (12 em ataques, 1 em bloqueio e 1 em saque), Volvich (9 em ataques e 5 em bloqueios) e Kliuka (13 em ataques e 1 em saque).

 

O triunfo deu o bronze aos Estados Unidos e levou-os à quarta medalha olímpica. Os norte-americanos já haviam conquistado o ouro em Los Angels (1984) e Pequim (2008), além do terceiro lugar em Barcelona (1992). Já os russos se despedem da competição na quarta posição.

 

Daniel Rodrigues

 

 




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »