Search
Thursday 21 November 2019
  • :
  • :

São Paulo F.C/Barueri volta a encarar o Osasco Audax pelo inédito título do Paulista

Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC.net

Após vencer a primeira partida da final do Campeonato Paulista feminino de vôlei, o São Paulo F.C/Barueri tentará nesta sexta-feira (8) assegurar o título inédito do Estadual. A partir das 21h30, o time comandado pelo técnico tricampeão olímpico José Roberto Guimarães volta a enfrentar o Osasco Audax, na segunda partida da série decisiva, no Ginásio José Liberatti, em Osasco (SP). A partida terá transmissão pelo canal SporTV 2.

O Tricolor busca um novo triunfo, por qualquer placar, para garantir o título. Na última quarta-feira (6), no primeiro jogo da série, derrotou o rival por 3 a 0, em Barueri. Em caso de vitória do Osasco, o regulamento do Paulista determina a realização do Golden Set (set extra) na sequência, para definir quem ficará com o título.

Esta é a segunda vez que a equipe de Barueri disputa uma final do Estadual. A primeira foi na temporada de 2017, quando foi superada pelo mesmo Osasco.

Nesta quinta-feira (7), antes de comandar o treino da equipe, o técnico José Roberto Guimarães comentou sobre sua expectativa para a final do Paulista, deixando claro o recado que pretende passar para suas jogadoras. “O mais importante agora é manter a mesma tranquilidade que demonstramos no primeiro jogo. Não temos que pensar em expectativa de título. Claro que ficamos satisfeitos com o nosso desempenho, especialmente pelo poder de recuperação que tivemos em dois sets, quando estávamos atrás no marcador. Não podemos esquecer que do outro lado há uma grande equipe, que irá jogar diante de sua torcida. Por isso a necessidade de manter a concentração e a tranquilidade”, disse José Roberto.

O treinador do São Paulo F.C/Barueri espera que o time consiga manter nesta segunda partida o mesmo jogo coletivo que apresentou tanto na vitória sobre o Sesi Bauru na semifinal, quanto na primeira final diante do Osasco. “Precisamos manter o nosso estilo de jogo, sem sobrecarregar nenhuma jogadora, dividindo as responsabilidades dentro da quadra. Esta divisão tem ajudado muito na performance coletiva e cada uma tem correspondido sempre que precisa aparecer”, analisou.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »