Search
Wednesday 18 September 2019
  • :
  • :

Tiago Brendle comemora boa fase na Seleção Brasileira

Crédito: Inovafoto/CBV

Crédito: Inovafoto/CBV

 

O jogador mais velho da seleção brasileira masculina de vôlei que está nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, não é exatamente o mais acostumado a esta situação. Em sua primeira convocação para a equipe adulta do Brasil, o líbero Tiago Brendle, de 29 anos, vem surpreendendo a quem assiste aos jogos do Brasil na competição – não apenas por seu visual moderno, mas, principalmente, por suas boas atuações.

 

O desempenho do jogador de cabelo moicano e braços e pernas tatuados ajudou a seleção brasileira a se classificar para as semifinais, onde já está à espera do adversário. O momento é de entusiasmo e, ao mesmo tempo, foco total no campeonato. “Adquirimos confiança ao longo do campeonato e queremos avançar à final”, afirmou Brendle.

 

Gaúcho de Panambi, o jogador vive, em 2015, um ano especial. Depois de bons desempenhos na Superliga 14/15 com o Ziober Maringá (PR), Tiago Brendle foi convocado e comemora o chamado com muita concentração e planejamento.

 

“Em abril deste ano fui convocado pela primeira vez para a seleção principal. Era uma busca e uma construção de 15 anos. A partir deste momento, estabeleci como foco um crescimento profissional grande para os meses que viriam pela frente”, disse o líbero.

 

No período inicial de trabalho, Tiago Brendle treinou com dois grupos: o que iria para a Liga Mundial e outro que defenderia o Brasil nos Jogos Pan-Americanos. E o líbero participou das duas etapas.

 

“Trabalhei nos dois grupos da seleção. Estive em quatro partidas da Liga Mundial e gostei do desempenho apresentado. Nesse momento, estive junto com o Serginho, que o mundo todo sabe que é um craque na sua função. Não o conhecia como pessoa e nos demos muito bem. Fiquei muito feliz pela nossa relação”, disse Tiago Brendle.

 

Após a participação com a equipe brasileira na etapa da Sérvia da Liga Mundial, o líbero recebeu a notícia de que iria representar o país nos Jogos Pan-Americanos e ficou feliz com a chance que surgiu na sua carreira.

 

“Então, houve a definição do grupo do Pan e fiquei muito feliz pela confirmação do meu nome. Assim que soube que ia, já comecei a preparação mental para o que tinha que fazer”, contou Brendle, que fez questão de elogiar os companheiros de equipe.

 

“Temos um grupo jovem e de muito potencial. Nos preparamos durante bastante tempo, enfrentamos dificuldades e, então, conseguimos um amadurecimento e crescimento enquanto equipe. Neste momento, conseguimos a vaga na semifinal do campeonato. Estou realmente feliz por estar na seleção representando meu país nesse campeonato”, disse o líbero.

 

Obstinado desde o início da carreira, e grato pela oportunidade que está vivendo, Tiago Brendle sabe o que quer daqui para frente.

 

“Preciso agradecer por tanto carinho e incentivo que tenho recebido das pessoas. Os torcedores, assim como a minha família, têm me dado o suporte de que preciso para conseguir o meu objetivo. A seleção é o lugar onde quero permanecer e farei absolutamente tudo para que seja assim”, concluiu Tiago Brendle.

 

A seleção brasileira volta à quadra pelos Jogos Pan-Americanos de Toronto na próxima sexta-feira (24/07) para a partida pela semifinal.

 

TABELA:

17/07 (sexta-feira)
Brasil 3 x 0 Colômbia (26/16, 25/13 e 25/16)

19/07 (domingo)
14h35 – Brasil 2 x 3 Cuba (20/25, 25/18, 23/25, 25/22 e 11/15)

21/07 (terça-feira)
14h35 – Brasil 3 x 0 Argentina (29/27, 25/21 e 25/22)

24/07 (sexta-feira)
Semifinais

26.07 (domingo)
Final




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »