Search
Sunday 24 January 2021
  • :
  • :

“A Rússia é a equipe a ser batida neste momento” afirma Bernardinho

Foto: Divulgação/CBV

Vinte e oito equipes entraram na Liga Mundial 2014. Quase dois meses depois, apenas seis chegam a Fase Final com a possibilidade de assegurar o título. Brasil, Irã e Rússia, no Grupo I, e Itália, Estados Unidos e Austrália na Chave H estão em Florença (ITA) para a disputa da etapa decisiva da competição. A seleção brasileira fará sua primeira partida nesta quinta-feira (17.07), às 12h30, contra os russos. O confronto terá transmissão ao vivo do canal SporTV.

O momento é favorável ao time brasileiro, que começou a competição abaixo do desejado, mas que evoluiu ao longo dos jogos e, após uma semana voltada apenas para treinamento, em Modena, chega ainda mais bem preparado para seguir na disputa pelo seu décimo título da competição. A pressão de estrear na Fase Final contra o atual campeão olímpico e também da Liga Mundial existe, mas jogadores e técnico não se intimidam.

Presente nos dois últimos confrontos contra os russos, na Liga Mundial e na Copa dos Campeões, em 2013, o ponteiro Lucarelli demonstra confiança de que o Brasil pode conseguir mais um resultado positivo.

“A Rússia tem um time caracterizado pela força no saque e pelo bom bloqueio. É sempre bastante complicado jogar contra eles, mas sabemos que precisamos repetir o que fizemos na Copa dos Campeões. Naquela partida, sacamos muito bem, recepcionamos da mesma forma e, com o passe na mão dos nossos levantadores, eles fazem as melhores jogadas, deixando os atacantes sempre em boas condições”, disse Lucarelli.

Levantador e capitão do Brasil, Bruninho destaca a boa condição em que o time chega para seguir na disputa pelo título.

“O nosso time treinou muito bem essa semana e chega forte para a Fase Final. Já conhecemos a Rússia que, para mim, é a melhor equipe do mundo hoje. São os atuais campeões olímpicos e da Liga Mundial, foram segundo colocados na Copa dos Campeões e é um time muito forte. Depois, na sexta, ainda temos o Irã, que é o time que mais evoluiu nos últimos anos e vem se tornando uma força no cenário mundial. São duas partidas muito complicadas, mas o nosso time vem embalado para não temer nenhum adversário”, garantiu Bruninho.

O técnico Bernardinho, que comandou a seleção brasileira em oito dos nove títulos de Liga Mundial, também enaltece a qualidade do adversário e pensa no prosseguimento do campeonato.

“A Rússia é a equipe a ser batida neste momento. Temos uma tabela que, se tudo der certo, serão quatro jogos seguidos. Precisamos ter a sabedoria de buscar os dois primeiros resultados para conseguir a classificação. Sabemos da qualidade e da força da Rússia, é uma equipe que joga na continuidade, além do saque e do bloqueio que, culturalmente, é algo muito forte no time deles. Queremos ganhar, claro, mas o mais importante é a classificação”, comentou Bernardinho.

O treinador do Brasil sabe que seu time poderá enfrentar dificuldades pela boa fase que o adversário atravessa.

“Nós queremos estar na final, contra quem quer que seja. Hoje, pelos resultados que eles vêm obtendo desde a conquista olímpica, além do europeu e da Liga Mundial do ano passado, a Rússia é o time que se encontra, neste momento, como o grande favorito das competições. Eles têm uma quantidade de jogadores enorme e tem feito um grande trabalho de base”, destacou Bernardinho.

A seleção brasileira é a maior vencedora da Liga Mundial, com nove títulos – 1993, 2001, 2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2009, 2010.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x