Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

Após duas temporadas, Campinas perde patrocínio no feminino

Foto: Felipe Christ/Vôlei Amil

Uma notícia pegou a todos de surpresa e abalou o vôlei nacional nesta terça-feira (29/04). O site de notícias Planeta Esporte, da região de Campinas, noticiou na manhã desta terça que o time feminino da cidade perderia o patrocínio da Amil.

Segundo informações apuradas pelo Melhor do Vôlei, o patrocinador estava encontrando dificuldades para bancar os valor solicitados pelas atuais jogadoras para renovar, além das que poderiam vir, e isso teria causado a desistência do investimento.

O clube já tinha firmado acordo de renovação com três atletas: Natália, Walewska e Angélica; e confirmado a contratação de Monique. Porém, os altos custos forçaram o presidente da Amil a solicitar a interrupção em todas as negociações e uma reunião de urgência, na noite desta segunda-feira (28/04), para discutir o projeto.

Entre a opção de diminuir o investimento, tornando a equipe mediana, ou acabar com o patrocínio, ficou decidido pelo fim do mesmo. 

Segundo o Melhor do Vôlei também apurou, a situação de algumas jogadoras é a seguinte: Rosamaria pode fechar com o Pinheiros. Pri Heldes acertou sua ida para o Brasília Vôlei. As líberos Michelle e Teny, antes mesmo do fim do projeto, já haviam sido dispensadas. E Tandara, que se tornou a jogadora mais valorizada da equipe, está entre Praia Clube e Unilever. 

Agora, fica a expectativa se os integrantes da diretoria irão ou não se movimentar para tentar um novo patrocinador para o time. Na temporada passada, o outro time da cidade, a equipe masculina Brasil Vôlei Clube, viveu situação parecida com a saída da Medley e após a busca feita por Maurício Lima e equipe, fecharam com a Brasil Kirin. O resultado foi o terceiro lugar na Superliga 2013-2014.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x