Search
Monday 21 September 2020
  • :
  • :

Na reserva do Molico, Mari elogia a titular Samara

João Pires/Fotojump

Mari foi titular até a semi do Paulista, quando Samara assumiu o posto na ponta

Uma das estrelas do voleibol nacional, Mari chegou ao Molico/Osasco disposta a voltar a ter as boas atuações de outros tempos. O que pouca gente esperava é que a campeã olímpica de 2008 acabasse virando reserva de um jovem talento, Samara.

Engana-se, porém, quem pensa que Mari digeriu mal a situação. A camisa 7, inclusive, faz dupla com Samara nos exercícios de aquecimento. Juntas, elas criaram uma amizade mesmo com pouco tempo em que estão no clube:

– Eu não conhecia a Samara e desde que cheguei ao time e a nossa relação é ótima. Gostei bastante da energia dela. Trata-se de uma menina humilde, batalhadora, está crescendo e já foi a melhor do mundo na base. Ela já veio jantar na minha casa, a gente conversa, ri e tento ajudar tanto dentro como fora de quadra. A gente faz aquecimento juntas e temos uma relação muito bacana

Acostumada a jogar com frequência, Mari se diz ciente de seu papel agora:

– É um momento diferente. Eu joguei até a semifinal do Paulista e depois aconteceu a troca por opções táticas do Luizomar e que respeito. A Samara é uma jogadora de recepção e eu e a Carcaces temos como principal virtude o ataque. Por isso, fica mais complicado jogarmos juntas. O Luizomar tem o planejamento dele e quer colocar todas com ritmo para jogar. O meu objetivo é tentar ajudar da forma que puder. Quando não for jogando será auxiliando com orientações e assim vamos tentar chegar às finais e conquistar títulos

Samara, por sua vez, tanta manter os pés no chão:

– Não me vejo como a substituta da Mari. Eu a admiro muito e nos demos bem desde o momento que começamos a trabalhar juntas. Essa afinidade tem ajudado bastante e ela tem contribuído durante os treinos e jogos com sua experiência e orientações. Somos da mesma posição e ela tem vários títulos que sonho conquistar

A jogadora avaliou ainda o seu atual momento:

– Esperei bastante por essa oportunidade e estou muito feliz de estar correspondendo e me firmando na posição. Tive paciência para aguardar esta hora e a temporada no Pinheiros, jogando como titular, me fez muito bem. Voltei para o Molico mais madura e conquistei meu espaço com trabalho e dedicação

O time de Osasco volta à quadra neste domingo (16), quando recebe o Uniara/Afav no ginásio José Liberatti em partida antecipada da quarta rodada da Superliga 2014/2015. Com duas vitórias sem perder sets até agora, o Molico assume provisoriamente a liderança da tabela em caso de vitória por 3 a 0 ou 3 a 1.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x