Search
Saturday 24 October 2020
  • :
  • :

Após novo triunfo no tie-break, Sesc RJ encara Osasco Audax

Tandara foi eleita a melhor do jogo. (Foto: Marcio Mercante)

Pelo segundo confronto consecutivo da Superliga Banco do Brasil feminina de vôlei, o Sesc RJ precisou de cinco sets para sair de quadra com a vitória. Assim como foi na última terça, em casa, diante do Flamengo, contra o Sesi Bauru, nesta sexta (07.02), a equipe de Bernardinho fez 2 sets a 0, pareceu que fecharia a partida sem perder parciais, mas bobeou. Após ver o time paulista empatar em 2-2, o Sesc RJ precisou suar muito a camisa para fechar em 3-2 (25-21, 25-21, 19-25, 21-25 e 18-16), contando com um erro de posicionamento da oposta Polina, de Bauru.

As duas primeiras parciais, vencidas pelo Sesc RJ, tiveram o mesmo roteiro. As duas equipes mantiveram um duelo equilibrado, com um ou outro abrindo pouco no placar até os momentos decisivos. Nesta hora, o Sesi Bauru passou a errar bastante e deixou a vitória no colo das visitantes. No primeiro set, duas sequências de saque, de Fabíola e Amanda, desestabilizaram a recepção adversária, após o placar estar 18-18. No final, 25-21 para o Sesc. No segundo, o time carioca chegou a fazer 20-15, em um bloqueio de Milka, mas as donas da casa encostaram após dois erros seguidos: 20-18. Bernardinho pediu tempo, acertou a equipe, que fechou em 25-21.

Os outros dois sets seguintes também foram muito equilibrados até os pontos finais. O técnico do Sesi Bauru, no entanto, arriscou tudo ao lançar Adenízia e Tiffany em quadra. E deu certo. Foi a vez do Sesc RJ sucumbir. No terceiro set, após grandes bloqueios, as donas da casa fecharam em 25-19. No seguinte, novamente os blocks fizeram a diferença: 25-21.

No tie-break, foi o Sesc RJ que conseguiu abrir a primeira vantagem, quando Tandara fez um ace: 6-4. Drussyla, num ponto de passe, no fundo da quadra, marcou 12-10 e a vitória parecia que se encaminharia normalmente. Mas o Sesi Bauru vendeu caro a derrota. Que acabou vindo quando a oposta Polina cometeu um erro de posicionamento. Fim de jogo: 18-16.

“Abrimos dois sets, demos bobeira, elas acabaram acertando muito mais que a gente e nos colocaram em dificuldade, principalmente com um bom saque. Nós falhamos no passe e erramos coisas que não costumamos errar. Mas paciência. Saímos com a vitória e conquistamos mais dois pontos, o que é o mais importante”, resumiu Tandara, eleita a melhor em quadra e maior pontuadora do confronto com 31 acertos.

O próximo compromisso do Sesc RJ será em casa, na terça-feira (11.02). O time de Bernardinho fará o clássico contra o Osasco Audax, às 19h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube. Após esse confronto, a equipe carioca terá outro clássico, desta vez contra o Dentil Praia Clube, na sexta (14.02), também no Tijuca Tênis Clube. Com 42 pontos, o Sesc RJ é vice-líder da Superliga Banco do Brasil feminina.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x