Search
Saturday 28 November 2020
  • :
  • :

Atual campeão, RJX estreia com vitória em jogo duro na SL

Foto: Divulgação/CBV

E o jogo mais esperado da primeira rodada da Superliga acabou sendo também o mais disputado. Após 4 sets e 1h34 de jogo, o time do RJX assegurou em casa a primeira vitória contra o estreante ModaMaringá por 3 a 1, parciais de 22-20, 19-21, 21-16 e 21-14.

O time de Maringá começou o jogo melhor e logo de cara abriu quatro pontos de vantagem e foi com o placar de 7 a 4 no primeiro tempo técnico. Após o mau início, o RJX se recuperou e conseguiu rapidamente tirar a desvantagem.

Bastante acionado, Lorena, que foi o principal pontuador do início da partida, com 6 pontos no primeiro set, era a principal arma do Moda no jogo, enquanto do lado carioca, o jogador da vez era Leandro Vissotto.

Muito equilibrado, a disputa esteve ponto a ponto. Cada time tentava usar o que podia para tirar proveito e desestabilizar o adversário. Fronckowiak reclamou de uma invasão e foi advertido. Pouco depois foi a vez de Maringá reclamar e receber a advertência.

O segunda parada aconteceu com 14-13 para Maringá e no tempo técnico, Marcelo Fronckowiak pediu para o RJX apreoveitar melhor seu saque buscando a posição 1. Com o bloqueio rendendo mais, o time da casa virou para 15-14 e Dougkas Chiarotti pediu tempo para arrumar a casa.

A parada deu certo, o Maringá retomou a vantagem e ambos foram trocando pontos até o final do set. Após dois saques bons de Maurício, quebrando o passe do time paranaense, o RJX com dois bloqueios, um de Ualas e outro de Vini, fechou o set em 22-20, num total de 24 minutos.

O começo do segundo set seguiu a tônica do primeiro: equilibrio e ponto a ponto.O que também seguiu foram as reclamações e pressões sobre a arbitragem, que estava desatenta quanto as invasões por baixo da rede. O primeiro tempo técnico foi com 7 a 6 para o RJX, que manteve-se a frente e foi para a segunda parada com a vantagem ainda maior: 14 a 9, a maior do jogo.

Na volta, sabendo que não poderia deixa essa vantagem ir adiante, o Maringá reagiu após uma inversão 5-1 e fez o placar empatar em 14-14. Cometendo erros, o RJX permitu a virada do Maringá pouco depois, no 19-17. No fim, um saque errado de Sátiro deu a vitória ao Moda Maringá por 21-19 e jogo empatado por 1 a 1, após 25 minutos.

Leandro Vissotto foi o cara do segundo set. Após um 1º set abaixo, o jogador cresceu na partida e isso foi traduzido nos pontos, onde marcou 6 pontos. Quiroga, do Maringá, chamou a responsabilidade no seu time e também fez 6 pontos no set.

O jogo seguiu igual no terceiro set. Com o RJX em ligeira vantagem, os pontos foram saindo um lá, um cá. As reclamações contra a arbitragem seguiram até o momento em que Ricardinho recebeu um cartão amarelo, com o placar em 11-10 RJX.

Após o segundo tempo técnico (14-13 RJX), o time carioca deslanchou no placar, abriu cinco pontos de vantagem e fechou em 21-16, em 21 minutos. Com seis pontos, Vissotto foi o maior pontuador do set.

O quarto set seguiu a tendência do início dos outros sets. Mas após o primeiro tempo técnico, time paranaense se desestabilizou e se prejudicou. Após retardar o início de jogo, o árbitro deu cartão vermelho ao Moda Maringá, que perdeu um ponto. Em seguida, a reclamação seguiu pelo cartão recebido e Cléber recebeu o amarelo. Com mais um erro de recepção, o placar foi para 13-9 RJX.

Mal no passe, o time do Paraná não conseguiu mais reagir na partida. Leandro Vissotto foi o maior pontuador do jogo, e também recebeu o troféu Viva Vôlei, com 20 acertos e no final a vitória ficou para o RJX por 21-14, em 24 minutos.

Ao final do jogo, Leandro Vissotto falou a TV que, por conta do pouco tempo de preparação, o resultado foi muito bom. “Temos trabalhado duro e tivemos pouco tempo de preparação e está todo mundo de parabéns pela vitória. O time do Maringá é uma grande equipe e estamos de parabéns. Fizemos um só amistoso, os outros times se prepararam a mais tempo e é o primeiro passo apenas. Vamos continuar trabalhando”.

Os dois times voltam a quadra no dia 21/09. O Moda Maringá recebe o Kappersberg/Canoas, às 19:30 em Maringá, e o RJX vai a Montes Claros, enfrentar o time local às 18 horas.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x