Search
Friday 27 November 2020
  • :
  • :

Bento Vôlei vai a São José dos Campos no primeiro jogo fora de casa pela SL B

Foto: Enos Lanfredi

A terceira partida do time de Bento Gonçalves na Liga B vai ser o primeiro jogo disputado fora de casa. Com duas vitórias, o Bento Vôlei está no segundo lugar na classificação do campeonato nacional que promove o campeão automaticamente para a Superliga 2014/2015.

O confronto com o São José dos Campos (SP) ocorre nesta quinta-feira, 23 de janeiro, a partir das 19h30min, no Ginásio COCTA. A expectativa é grande, pois esse adversário era considerado um dos mais difíceis do torneio antes do mesmo começar, e ter como líder neste momento o Sada Contagem – com seu time B (juvenis) e um ponto à frente do Bento Vôlei.

A equipe comandada pelo técnico Fernando Rabelo tem outra partida no Estado de São Paulo no sábado, em Rio Claro, com os donos da casa, ACBD, no Ginásio Felipe Karan, às 17h. Os jogos seguintes serão realizados na Serra gaúcha, na próxima semana, no Ginásio Municipal/BG, contra os mineiros da competição. Na quinta-feira 30 de janeiro, o adversário é o Olympico (MG) e no sábado 1º de fevereiro, Sada Contagem.

Para todos esses jogos da fase classificatória, o Bento Vôlei continuará sem poder contar com o meio de rede Maicon Leite. Um dos três reforços contratados para a Liga B, ele se machucou na semana da estreia em um treino com bola e precisou ser operado. O central deve retornar somente em março, após a parada do Carnaval, quando iniciarem as semifinais.

O jovem jogador de 21 anos conta que, quando machucou o dedo anular da mão direita fazendo um bloqueio em um treino com bola no Ginásio Municipal de Bento Gonçalves, achou que não era nada sério e dentro de alguns dias tudo estaria resolvido. Mas assim que o parecer de três médicos sobre os exames – incluindo o do responsável pela Seleção Brasileira de Vôlei Feminino, Julio Cesar Nardelli – foi o mesmo, pela cirurgia, aí, sim, ficou preocupado.

O procedimento foi realizado no Hospital Tacchini, pelo intermédio do vice-presidente do clube, o cardiologista Ricardo De Gasperi, também responsável médico pela equipe do Bento Vôlei que deu os encaminhamentos para viabilizar a cirurgia em Bento Gonçalves. Havia um fragmento solto do osso, que precisou ser anexado por um parafuso para facilitar a ligação dele à falange média. Optou-se também por um enxerto ósseo, com pequeno material retirado do cotovelo do atleta, para acelerar a calcificação óssea. A operação, na quinta-feira passada, ficou a cargo da Dra. Roberta Tramontini, da Clínicia Osteotrauma – Ortopedia e Traumatologia, especialista em mão. De Gasperi destaca também o trabalho do grupo de Anestesiologia do Dr. Miguel Pinheiro.

Com a cirurgia bem-sucedida, agora os investimentos vão para a recuperação do jogador. Conforme a fisioterapeuta do clube, Aline Brustolin, será feito o possível, juntamente com a equipe de cirurgiões, para a volta no menor tempo e maior segurança para o jogador. Para uma pessoa normal, segundo Roberta Tramontini, a recuperação seria de 60 dias. Como ele é um atleta e bastante jovem, há uma boa expectativa de que possa retornar a jogar antes disso. Ocorreu uma fratura de dedo semelhante com a o central Lucão da Seleção Brasileira e este conseguiu voltar antes do previsto.

Além disso, Maicon relata que nunca tinha havia sofrido nenhuma lesão durante sua trajetória no voleibol e não se assustou, pois considerou um acidente de trabalho a que todos estariam sujeitos. Depois do parecer pela cirurgia, conversou com seu procurador e aceitaram o procedimento. “Agora estou tranquilo, esperando a recuperação”, diz o mineiro de Barbacena. O central mostrou-se motivado para disputar a competição e na noite de sábado assistiu à partida contra o Santo André na lateral da quadra, apoiando os colegas e lendo o jogo do outro time.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x