Search
Friday 25 September 2020
  • :
  • :

BMG/Montes Claros recebe Vôlei Futuro nesta quinta

21/12/2012 – O BMG/Montes Claros (MG) tem um objetivo claro na quinta rodada da Superliga masculina 11/12: voltar a vencer. Depois de começar a competição com duas vitórias, a equipe de Montes Claros sofreu duas derrotas por 3 sets a 0, para Cimed/SKY (SC) e Vivo/Minas (MG), respectivamente. Nesta quinta-feira (22.12), o time mineiro lutará para fazer as pazes com a vitória contra o invicto Vôlei Futuro (SP), às 18h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG). O Sportv transmitirá ao vivo.
 

"); // -->

 
O treinador do BMG/Montes Claros, Jorge Schmidt, sabe que não terá vida fácil contra a equipe de Araçatuba. O Vôlei Futuro, ao lado do Sada Cruzeiro (MG), é uma das duas únicas equipes invictas no campeonato.

“O Vôlei Futuro tem uma grande equipe. Precisamos de atenção em todos os fundamentos. Começamos o campeonato com duas boas vitórias e, na derrota contra a Cimed/SKY, fizemos uma boa partida. Já contra o Vivo/Minas não fomos bem, mas também não podemos tirar os méritos da equipe deles, que não nos deixou jogar”, afirmou Schmidt, que pediu uma maior atitude, em relação ao último jogo, aos jogadores do grupo mineiro.

“Nós assumimos que não fomos bem. Temos consciência disso. Acredito que não fizemos a melhor escolha de opção de ataques, além do mais, o nosso bloqueio não funcionou. Precisamos ajustar esses detalhes de jogo e ainda ter mais postura e atitude”, ressaltou o treinador do BMG/Montes Claros, que está na oitava colocação na classificação geral.

Pelo lado do Vôlei Futuro, o técnico Cezar Douglas pediu uma atenção especial dos jogadores com a parte emocional.

“O BMG/Montes Claros tem uma equipe experiente que joga com muita vibração, como o nosso time. Temos que controlar o lado emocional do grupo para não perder a lucidez. O Pereyra está sendo bastante acionado e foi uma peça importante para o time deles nas primeiras partidas. O sistema de ataque do Montes Claros é muito forte”, afirmou Cezar Douglas, que analisou o início do time de Araçatuba no campeonato

“Temos um objetivo de conquistar o máximo de vitórias por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1 e conseguimos isso nos três primeiros jogos. Melhoramos o nosso sistema defensivo em relação ao Paulista e estamos evoluído”, garantiu o treinador.

O Vôlei Futuro aparece na segunda posição na classificação geral, com nove pontos. A equipe de Araçatuba tem ainda o melhor bloqueio da Superliga, com 24,87% de aproveitamento e a segunda melhor defesa, com 17,68% de acertos.

Outros jogos

A quinta rodada da Superliga masculina 11/12 terá mais três jogos nesta quinta-feira. O RJX (RJ) lutará pela terceira vitória seguida. O adversário será a UFJF (MG), às 19h, no ginásio da UFJF, em Juiz de Fora. O ponteiro Dante, do RJX, ressaltou a importância do confronto.

“Depois de apenas quatro rodadas, só dois times ainda estão invictos, o que mostra o equilíbrio e o alto nível da Superliga. Temos um confronto direto contra a UFJF, a diferença na tabela é de apenas dois pontos e eles jogam em casa, vindo de uma vitória fora. Fizemos um bom jogo contra a Cimed/SKY, o entrosamento está melhorando e precisamos de uma vitória para seguir crescendo. Temos que manter a concentração do primeiro ao último ponto”, disse Dante.

Depois de perder a primeira partida na última rodada, o Sesi-SP buscará a reabilitação contra o Londrina/Sercomtel (PR), às 20h, no ginásio Moringão, em Londrina. O Sada Cruzeiro (MG) defenderá a invencibilidade contra a Medley/Campinas (SP), às 19h30, no ginásio Taquaral, em Campinas.



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x