Search
Tuesday 22 September 2020
  • :
  • :

Brasil atropela Rússia e segue invicto no Grand Prix

Foto: FIVB/Divulgação

Embalado pela torcida que lotou o ginásio do Ibirapuera, a Seleção Brasileira venceu mais uma partida pelo Grand Prix 2014. Dessa vez a algoz Rússia não viu a cor da bola, foram 3 sets a 0 com direito ao primeiro set ser 25-15. As parciais foram 25-15, 25-21 e 25-17.

O Brasil começou o primeiro set desestabilizando a recepção russa e bloqueando com muita eficiência, indo para a primeira parada técnica na frente (8/5). A Rússia voltou forçando mais seu saque, mas o bloqueio de nossa seleção seguia dando show e, com Sheilla e Fabiana em manhã inspirada, o Brasil seguiu ampliando sua vantagem (19/12). Com sete pontos de bloqueio na parcial e em um ponto desse fundamento efetuado por Tandara (que entrou junto de Fabíola na inversão) a seleção brasileira fechou o set (25/15).

A Rússia voltou para a segunda parcial totalmente reformulada, com a entrada de Goncharova, Shcherban e Podskalnaya, saindo na frente do placar (8/4). O Brasil passou a ter muita dificuldade no passe, obrigando o técnico José Roberto a fazer a inversão de rede com Fabíola e Tandara (11/4). As mudanças de nossa seleção surtiram efeito, diminuindo a vantagem russa (12/8). A seleção brasileira continuou lutando, efetuando bons saques, mas a Rússia ainda dominava o placar (16/13). A ponteira Natália entrou para sacar e com dois bloqueios de Thaisa, o Brasil empatou o set, incendiando o ginásio (19/19). Daí para frente ninguém mais segurou o Brasil que, em um ace de Jaqueline, venceu mais uma parcial (25/21).

 

O terceiro set começou com seus primeiros pontos marcados pelo equilíbrio, mas com bons golpes de nossas atacantes e uma boa sequência de saques de Dani Lins, o Brasil conseguiu abrir uma confortável vantagem (13/5). Camila Brait fazia lindas defesas, mas as russas não desistiam da partida e reduziram a diferença (13/9). Com Sheilla rodando suas bolas pela saída, nossa seleção foi para a segunda parada dominando o placar (16/11). Sem conseguir reverter o placar, o técnico russo pediu tempo para tentar uma recuperação no jogo, após um ace de Natália (21/13). Mas realmente estava difícil parar as brasileiras que, em um erro de Goncharova, fecharam a parcial e a partida (25/17).

Brasil – Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Fabiana  e Thaisa. Libero – Camila Brait. Entraram – Fabíola, Tandara e Natália 

Rússia – Kosianenko, Malykh, Kosheleva, Pasynkova, Zaryazhko e  Fetisova. Libero – Kryuchkova. Entraram – Shcherban, Goncharova, Podskalnaya, Startseva e Malova (libero).

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x