Search
Tuesday 27 October 2020
  • :
  • :

Brasil classifica todas as duplas nos qualifiyng de Haia

Foto: Divulgação

Mais uma vez, o Brasil jogará um Grand Slam da atual temporada do Circuito Mundial de Vôlei de Praia com sua força máxima. Nesta terça-feira (11/06), em Haia, na Holanda, Maria Clara/Carol e Evandro/Vitor Felipe avançaram do qualifying e se juntam a Ágatha/Maria Elisa, Taiana/Talita, Lili/Bárbara Seixas, Alison/Emanuel, Bruno Schmidt/Pedro Solberg e Ricardo/Álvaro Filho no torneio principal. E já haverá confronto brasileiro na fase de grupos.

No Beach Stadion, em Haia, Maria Clara e Carol tentarão repetir o feito dos Grand Slams de Xangai (CHN) e Corrientes (ARG), quando largaram do qualifying para subir ao pódio – conquistaram dois bronzes, o que coloca a dupla como quarta colocada do ranking. Nesta terça, venceram as americanas Day e Pavlik por 2 a 0, parciais de 21-14 e 21-16, e caíram no Grupo C, ao lado de Holtwick/Semmler (ALE), Nystrom Em./Nystrom Er. (FIN) e Prokopeva/Popova (RUS).

Das duplas femininas do Brasil, a única que ainda não conquistou um pódio na atual temporada do Circuito Mundial foi Lili/Bárbara Seixas. As duas, que se sagraram campeãs mundiais sub-21 em 2007, voltaram a jogar juntas este ano, como uma das equipes formadas pelo técnico Marcos Miranda para este início de competição. Nas duas primeiras etapas, na China, o quinto lugar. Na Argentina, a nona colocação.

“Nossa expectativa é sempre a melhor possível, pois, independentemente do pouco tempo de parceria, sabemos do nosso potencial. Ainda temos bastante para evoluir e a cada treino juntas estamos nos conhecendo um pouco mais e fortalecendo o time”, avaliou Bárbara Seixas, eleita a atleta revelação do Circuito Mundial no ano passado.

E Lili e Bárbara Seixas caíram justamente no mesmo grupo (G) das compatriotas Ágatha e Maria Elisa. As rivais na chave por vagas nas oitavas de final serão as polonesas Kolosinska e Brzostek e uma das duplas da casa, formada pelas holandesas Van der Vlist e Wesselink.

E, pelo Grupo H, Taiana e Talita, campeãs do Grand Slam de Xangai, enfrentarão as espanholas Liliana e Baquerizo, as alemãs Köhler e Schumacher e as australianas Artacho e Ngauamo.

Evandro e Vitor Felipe também fizeram a sua parte no qualifying. Vitor Felipe, aliás, chegou na véspera à Holanda, vindo da Polônia, onde, no domingo, sagrou-se vice-campeão mundial sub-23 ao lado de Márcio Gaudie. Nesta terça, vitória sobre os espanhóis Marcos e García por 2 a 0 (21/15 e 21/16) e a vaga no Grupo G, que conta com Fijalek/Prudel (POL), Smedins J./Samoilovs (LET) e Gabathuler/Weingart (SUI).

Alison e Emanuel caíram no Grupo B, com Spijkers/Varenhorst (HOL), Doppler/Horst (AUT) e Redmann/Hatch (CAN). Já Bruno Schmidt/Pedro Solberg estão no Grupo D, ao lado de Dollinger/Windscheif (ALE), Kubala/Benes P. (RTC) e Herrera/Gavira (ESP). Por fim, Ricardo e Álvaro Filho, que ficaram no Grupo H, com Brouwer/Meeuwsen (HOL), Horrem/Eithun (NOR) e Sorokins/Smedins T. (LET).




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x