Search
Tuesday 29 September 2020
  • :
  • :

Brasil coloca três duplas femininas nas quartas de final do Grand Slam de Berlim

Foto: Divulgação/FIVB

O Brasil classificou três duplas às quartas de final do torneio feminino no Grand Slam de Berlim, na Alemanha. O país é o único com mais de um representante na fase eliminatória após os jogos válidos pela repescagem e oitavas de final, realizados nesta sexta-feira (20.06). Ágatha/Bárbara Seixas, Juliana/Maria Elisa e Talita/Taiana avançaram, enquanto Maria Clara/Carol acabou perdendo e está eliminada da competição.

 

Além das quartas de final, também acontecem neste sábado (21.06) as semifinais do torneio feminino. Na próxima fase, Ágatha/Bárbara Seixas enfrenta as alemãs Borger/Buthe. Juliana e Maria Elisa jogam contra as norte-americanas April Ross e Kerri Walsh, vencedoras do Grand Slam de Moscou, na Rússia, na última semana. Já Talita e Taiana terão pela frente as tchecas Kolocova/Slukova por uma vaga na semifinal.

 

Jogos do dia

Ágatha e Bárbara Seixas abriram o dia de disputa na repescagem, já que tinham se classificado em segundo lugar no grupo. Elas venceram as italianas Menegatti/Orsi Toth por 2 sets a 0 (21/16, 21/16), em 39 minutos de jogo. Nas oitavas, vitória sobre as atuais campeãs europeias, as holandesas Meppelink/Van Iersel, também por 2 sets a 0 (21/16, 23/21), em 42 minutos. Após a classificação, Ágatha analisou os dois triunfos.

 

“O dia começou tenso, pois viemos da repescagem, fazendo um jogo a mais. Pegamos as italianas, um cruzamento forte contra um time que ainda não tínhamos enfrentado, estudamos bastante e imprimimos um ritmo muito bom do início ao fim e conseguimos deixar a menina da entrada de rede bem marcada, sem conseguir virar bolas”, disse a paranaense, que também comentou a vitória nas oitavas de final.

 

“Sabíamos quais as melhores bolas das holandesas, apesar de não termos jogado juntas contra elas, apenas individualmente. Estudamos bastante e no primeiro set conseguimos colocar nosso ritmo pelos bons saques que entraram. No segundo, elas começaram bem, abriram 19 a 14. Mas foi legal porque tivemos paciência, buscando ponto a ponto, mudando a tática e trocando em qual jogadora sacávamos. Foi uma virada conquistada com calma e concentração”, completou Ágatha.

 

Em outra partida da repescagem, Juliana e Maria Elisa começou com vitória sobre as norte-americanas Day e Summer por 2 sets a 0 (21/18, 21/12), em 38 minutos. No jogo seguinte, um duro triunfo sobre as argentinas Gallay e Klug, por 2 sets a 1 (16/21, 21/15, 15/12), em 53 minutos, garantindo a vaga nas quartas de final do torneio.

 

Talita e Taiana, que terminaram em primeiro do grupo C, jogaram apenas a partida das oitavas de final. Venceram as alemãs Laboureur/Suede por 2 sets a 1 (21/12, 18/21, 15/13), em 45 minutos, e conseguiram lugar na próxima fase.

 

Maria Clara e Carol começaram bem a sexta-feira vencendo as norte-americanas Fendrick/Sweat por 2 sets a 0 (21/18, 21/13), em 36 minutos, pela repescagem. Nas oitavas de final, fizeram partida muito equilibrada, mas acabaram perdendo por 2 sets a 0 (21/19, 24/22) para as chinesas Fan Wang e Yuan Yue, atuais terceiras colocadas do Circuito Mundial, em 44 minutos.

 

No domingo (22.06), acontece a disputa do bronze e a final, que terão transmissão do canal SporTV e pelo link http://www.laola1.tv/en-int/fivb-web-tv/269.html. Berlim é o terceiro Grand Slam da temporada 2014 do Circuito Mundial. Além de um prêmio de mais de R$ 127 mil, a dupla campeã na capital da Alemanha soma 800 pontos na briga pelo troféu geral, contra 500 pontos por um título de etapa do Open.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x