Search
Friday 27 November 2020
  • :
  • :

Brasil começa bem o Grand Slam de Long Beach

Foto: FIVB

Com o mesmo formato do Campeonato Mundial, com um jogo por dia para cada dupla na fese de grupos, teve início o Grand Slam de Long Beach, nos EUA. E, nesta terça-feira (23/07), a única parceria que tropeçou na estreia foi Alison/Emanuel, com Bruno Schmidt/Pedro Solberg, Edson Filipe/Álvaro Filho e Evandro/Vitor Felipe largando com vitória. É a volta da competição ao berço do vôlei de praia, a Califórnia (EUA), após dez anos.

Os atuais líderes do ranking, Bruno Schmidt e Pedro Solberg, não tiveram dificuldades para derrotar os austríacos Eglseer e Koraimann na abertura do Grupo B: vitória por 2 a 0, parciais de 21-18 e 21-12. Nesta quarta-feira (24/07), eles enfrentarão os noruegueses Horrem e Eithun, encerrando a primeira fase na quinta-feira (25/07) contra os suícos Gabathuler e Weingart. Dos brasileiros em Long Beach, apenas Pedro Solberg e Emanuel já jogaram na Califórnia.

Outro que teria a oportunidade de jogar novamente nas areias californianas seria Ricardo. Mas, com uma lesão no abdômen, o campeão olímpico foi poupado. Em seu lugar para formar dupla com Álvaro Filho, o escolhido pela técnica Letícia Pessoa foi outro grandalhão, o capixaba Edson Filipe, o Filipão, de 2,02m. E a nova dupla estreou com uma vitória de 2 a 1 (21-13, 19-21 e 19-17) sobre Rodríguez Bertrán/Soto, de Porto Rico. Os próximos adversários pelo Grupo H serão Kvamsdal/Hordvik (NOR) e Huber/Seidl (AUT).

E quem também começou focado e mostrando um bom jogo em Long Beach foram Evandro e Vitor Felipe. Pelo Grupo G, eles bateram os espanhóis Lario e Monfort por 2 a 0, parciais de 21-14 e 21-17. O próximo compromisso da dupla, nesta quarta-feira, será contra os franceses Andy Cès e Rowlandson. Na quinta, os adversários serão os australianos Kapa e McHugh. A surpresa do dia ficou por conta da derrota de Alison e Emanuel, superados por uma das duplas da casa, formada por Lucena e Hyden. Depois de um primeiro set equilibrado, disputado ponto a ponto, vitória dos americanos por 23-21. Resultado que desestabilizou os atuais vice-campeões do Circuito Mundial, que acabaram perdendo o segundo por 21-16. E a reabilitação terá que vir sobre duas duplas do Canadá: Pedlow/O’Gorman, na quarta, e Saxton/Schalk, na quinta.

O primeiro colocado de cada um dos oito grupos se classificam automaticamente para as oitavas de final, com os segundo e terceiro lugares tendo que passar por uma segunda fase, já eliminatória, na quinta-feira. Na sexta-feira (26/07), serão realizadas, no mesmo dia, as oitavas, quartas e semifinais. A grande decisão e a disputa de terceiro lugar estão marcadas para sábado (27/07).




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x