Search
Thursday 24 September 2020
  • :
  • :

Brasil erra demais e perde para a China no sub-23 feminino

Foto: FIVB

Cometendo muitos erros, o Brasil não conseguiu segurar a China, que vem forte nesta temporada nas categorias de base, e foi derrotado por 3 a 1 (16-25, 25-21, 22-25 e 23-25) pela segunda rodada do Mundial sub-23 no México.

O Brasil começou muito mal o jogo. Logo de cara, 10 erros fizeram com que a China abrisse grande vantagem no placar.  Mesmo com a torcida apoiando no ginásio, não teve jeito no primeiro set: China 25-16, com o Brasil finalizando com 12 erros o set.

Contando com algumas jogadoras da seleção juvenil, a China viu o Brasil equilibrar o segundo set. Logo, o time brasileiro já vencia por 6 a 4. O Brasil passou a ter um aproveitamento melhor dos contra-ataques, com Gabi e Ellen sendo bem acionadas. Na torcida, um tambor chinês dava o ritmo das asiáticas, que corriam atrás e não conseguiam diminuir a diferença de dois pontos. Quando aconteceu, ficando 11-10, Claudio Pinheiro colocou em quadra Carla, para tentar estabilizar o passe brasileiro. Porém, não deu muito certo e a China empatou em 12-12 e virou num ataque fora da brasileira. Após a China abrir mais um ponto, o técnico brasileiro parou o jogo.

Após chegar ao segundo tempo técnico perdendo por 16-13, o Brasil conseguiu empatar o jogo no 17º ponto e fez 20-18. Aí foi a hora da China parar o jogo, mas não teve jeito. O Brasil seguiu bem até o final e venceu por 25-21, apesar do numero de erros seguir alto (total de 10 erros, contra 7 do adversário no set).

No terceiro set, o Brasil começou arrasando e logo estava vencendo por 6-1. Mas o barulho do tambor chinês ao fundo anunciou que a China reagiu no set e encostou para 6-5.  O Brasil voltou a abrir, ficando três pontos em vantagem, mas não segurou o placar numa sequencia ruim e a China virou no 11º ponto, mas quem chegou a frente no segundo tempo técnico foi o Brasil (16-14). Com muita alternância no placar, os dois times seguiram fazendo um jogo equilibrado e no final, a China levou o set por 25-21.

No quarto set, a China começou a parcial melhor e se manteve a frente por boa parte. Perdido em quadra, o Brasil mudou as jogadoras, pediu os tempos que podia, mas quando conseguiu reagir no jogo, já era tarde demais. China 25-23.

O Brasil fechou a partida com o total de 34 erros. A maior pontuadora do jogo foi a Chinesa Xiaoya Xhang, com 19 pontos. Pelo Brasil, a maior anotadora foi Gabi, com 16.

O Brasil volta a quadra em busca da recuperação nesta segunda-feira (07/10) às 19 horas contra o Quênia.

Outros jogos

Na segunda rodada, o torneio já vê a República Dominicana, do Brasileiro Marcos Kwiek se destacar. Em dois jogos, o time tem duas vitórias por 3-0, contra Argentina e Turquia. Também no Grupo A, o destaque é o Japão, segundo colocado após vencer a Itália por 3-2 neste domingo. Na finalização da rodada, a Argentina bateu o México por 3-0.

No Grupo B, quem vem bem são os EUA. Em dois jogos duas vitórias. 3 a 0 contra Quênia e contra Cuba. Logo atrás, aparecem Brasileiras e Chinesas. no outro jogo do grupo, a Alemanha derrotou as quenianas por 3-0.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x