Search
Thursday 29 October 2020
  • :
  • :

Brasil está pronto para a estréia na Fase Final do Grand Prix

Crédito: Divulgação/CBV

Crédito: Divulgação/CBV

 

Uma partida que reunirá as únicas equipes invictas nesta edição do Grand Prix abrirá a fase final da competição. Nesta quarta-feira (22/07), às 17h (horário de Brasília), a seleção brasileira feminina de vôlei jogará com a China, em Omaha, nos Estados Unidos. O SporTV transmitirá ao vivo. Na sequência, o Brasil enfrentará, respectivamente, Rússia, Japão, Estados Unidos e Itália.

 

Na fase de classificação, Brasil e China terminaram respectivamente em primeiro e segundo lugares, com nove vitórias em nove jogos. As brasileiras tiveram um melhor saldo de sets e ficaram com a liderança isolada.

 

O treinador Paulo Coco comentou sobre a expectativa para o primeiro desafio na fase final do Grand Prix. “Será um jogo decisivo e muito importante. Todas as partidas nesta fase final serão como uma decisão. A China vem crescendo bastante nos últimos anos. É um time jovem, alto e muito bem treinado. Elas têm um poder de ataque e bloqueio bastante alto. A Lang Ping (técnica da China) tem mudado a maneira de jogarem e colocou as chinesas novamente no primeiro patamar do voleibol mundial”, afirmou Paulo Coco, que ainda destacou a importância do saque e do passe no jogo contras as asiáticas.

 

“Vamos ter que jogar muito bem taticamente, principalmente nosso sistema defensivo. Teremos que trabalhar o saque com eficiência para minimizar as opções de ataques delas. Outro fator importante será jogar com o passe na mão para as nossas bolas de velocidade serem utilizadas”, explicou Paulo Coco.

 

A ponteira Gabi fez uma análise sobre o adversário desta quarta-feira e chamou a atenção para a ponteira Zhu, de 20 anos e 1,95m. “Provavelmente esse será um dos jogos mais difíceis dessa fase final. A China fez um jogo muito bom contra os Estados Unidos e acabou saindo com a vitória na semana passada. A Zhu (ponteira) é uma jogadora da minha geração e tem sido destaque no time delas. Ela é uma das grandes ponteiras da atualidade. É um time que tem muitas variações de jogadas e, por isso, nosso saque será fundamental”, disse Gabi.

 

A levantadora Dani Lins chamou a atenção para a velocidade da equipe chinesa. “Assistimos ao vídeo da China e elas mudaram um pouco a forma de jogar. Elas estão jogando com mais velocidade do que no ano passado. Temos treinado em cima disso e sabemos que o nosso saque será fundamental para tirarmos o passe da mão da levantadora delas. O grupo está bem e motivado e temos tudo para fazer uma boa fase final”, apostou Dani Lins.

 

FASE FINAL

(22.07) – Brasil x China, às 17h (Horário de Brasília)
Transmissão: SporTV

(23.07) – Brasil x Rússia, às 17h (Horário de Brasília)
Transmissão: SporTV

(24.07) – Brasil x Japão, às 17h (Horário de Brasília)
Transmissão: SporTV

(25.07) – Brasil x Estados Unidos, às 19h (Horário de Brasília)
Transmissão: SporTV

(26.07) – Brasil x Itália, às 17h (Horário de Brasília)
Transmissão: SporTV




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x