Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

Brasil estreia no Sul-Americano com passeio sobre o Paraguai

Foto: Alexandre Arruda/CBV

Maior vencedor da história do Campeonato Sul-Americano, o Brasil, que não conquistou apenas um título porque não participou da competição, começou a trajetória nesta trigésima edição com vitória. O time dirigido pelo técnico Bernardinho estreou nestaterça-feira (06/08) contra o Paraguai e venceu por 3 sets a 0 (25-7, 25-9 e 25-5), em 58 minutos, no ginásio Alfredo Barreto, em Cabo Frio (RJ). Na segunda rodada, nesta quarta-feira (07/08), o Brasil enfrentará a Colômbia, no mesmo local, às 20h30. No primeiro jogo do dia, às 17h30, o Chile jogará contra o Paraguai.

Nesta noite, o ponteiro Lipe foi um dos destaques da partida. O jogador marcou 12 vezes (sete de ataque, quatro de saque e um de bloqueio) e saiu de quadra como maior pontuador, além de ter ficado o tempo todo em quadra, mesmo após as alterações da equipe titular.

O capitão Bruno começou o jogo no saque e o ponteiro Lipe abriu o placar. O Brasil seguiu sem dificuldades e, no primeiro tempo técnico, fez 8-2, dando dois pontos em erros para a seleção do Paraguai. O time verde e amarelo fez 15-3. O time brasileiro seguiu sem enfrentar dificuldades e permitindo que o adversário pontuasse praticamente só nos seus erros. Dessa forma, a seleção brasileira fechou o primeiro set por 25-7.

A segunda parcial manteve o mesmo ritmo. Com quatro pontos de saque do central Sidão, que reestreou com a seleção brasileira depois de passar por cirurgia na coluna, a seleção brasileira fez 8-2. Quando o Brasil vencia por 15-6, Bernardinho começou a fazer substituições e colocou Mauricio Souza no lugar de Sidão. Logo depois, Maurício Borges no lugar de Lucarelli. Ainda neste set, entraram o oposto Renan e o levantador William em quadra. O nível foi mantido e o Brasil fechou em 25-9.

No terceiro set, já com todos os jogadores que começaram jogando no banco, a equipe brasileira fez 6-0 logo no início. A vantagem foi para nove pontos em 11-2. O Brasil seguiu sem dar chances aos paraguaios que, mesmo fazendo um intenso revezamento entre os atletas, não conseguiu impor dificuldades ao time da casa. No final, vitória brasileira por 25-5.

“Dava para ver que eles têm um time inferior ao nosso e notamos isso desde o primeiro set. Mas entramos em quadra para fazer a nossa parte bem feita e foi assim. Fizemos tudo para manter o alto nível do nosso trabalho”, comentou Lipe.

O ponteiro Maurício Borges entrou no segundo set e foi responsável por seis pontos. “Fizemos tudo que treinamos. Somos superiores, mas não podemos desprezar o adversário em momento algum. Jogamos com seriedade e deu tudo certo”, disse Maurício.

O técnico Bernardinho também falou sobre o confronto. Embora não tenha sido no nível em que a seleção brasileira está acostumada a jogar, o treinador brasileiro tirou uma lição da partida desta terça-feira.

“Sabemos que há uma diferença entre as duas equipes. Eles não têm um nível alto, mas o importante é ter respeito, fazer o nosso papel bem feito. O time jogou com seriedade e o tempo todo demonstrou respeito ao time do Paraguai. O Sul-Americano está um pouco abaixo do que estamos acostumados a jogar, mas é um campeonato importante. Se ganhamos, é mais um título, sem grande repercussão, mas, se perdemos, vamos ser cobrados”, destacou Bernardinho.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x