Search
Monday 26 October 2020
  • :
  • :

Brasil joga bem e vende caro a derrota para a Dominicana na estreia da Copa Panamericana

Foto: Divulgação/Norceca

Brasil e República Dominicana fizeram na noite desta segunda-feira (10/06) a grande partida da primeira rodada da Copa Panamericana Feminina 2013, disputada no Peru. Enquanto as caribenhas foram com a equipe principal, o Brasil está representado por seu time juvenil, em preparação para o Mundial. E o resultado acabou sendo dentro do esperado, com vitória das Dominicanas por 3 a 1 (21-25, 25-20, 25-21 e 35-33), na cidade de Huachao.

Apesar do resultado, a equipe treinada pelo técnico Luizomar de Moura e que conta com jogadoras com Rosamaria e Gabi impôs muita dificuldade para as dominicanas, treinadas por Marcos Kwiek.

Sem a líbero Brenda Castillo, afastada por indisciplina, e com Ana Binet, de 20 anos em seu lugar, as dominicana sofreu um pouco com a capiã brasileira Rosamaria, em especial no primeiro set, onde com seis pontos, ajudou o Brasil a vencer. A partir do segundo set, o Brasil passou a cometer erros que o prejudicaram no placar. Yonkaira Peña e Bethania de la Cruz, com 22 e 19 pontos respectivamente, lideraram o ataque da República Dominicana e ajudaram, apesar das dificuldades impostas pelo Brasil, a fechar o jogo após um disputadíssimo quarto set, que foi até 35 pontos.

“É o primeiro jogo do Copa e embora o Brasil seja jovem, é um time muito forte e usou muito a energia que elas têm. Nós começamos um pouco desconcentrado, mas fomos capazes de alcançar essa vitória”, analizou a dominicana Peña.

Sobre o Brasil, Luizomar se mostrou satisfeito com a atuação de seu time. “Estamos jogando com uma equipe muito jovem e enfrentar a equipe principal dominicana foi muito difícil, mas estou orgulhoso da forma como as meninas jogaram contra um time muito mais experiente”.

Marcos Kwiek também fez questão de parabenizar o bom jogo feito pelo Brasil. “Na verdade, eu felicito Brasil são jovens e fizeram um bom jogo e nós, que temos mais experiência do elas, jogamos com um pouco menos de intensidade, porque viemos de uma longa viagem e nós estamos ainda entrando no clima da Copa, que é um torneio difícil”,  afirmou Marcos Kwiek.

Rosamaria, capitã do Brasil, fez questão de lembrar, que o objetivo maior do Brasil é a preparação para o Mundial Juvenil. “Foi bom porque estamos nos preparando para o Mundial. Foi um jogo duro e sabíamos o que estávamos enfrentando, foi muito disputado, definido ponto por ponto”. Sara e Gabi, com 15 pontos, foram as maiores pontuadoras do Brasil.

O Brasil volta a quadra nesta terça-feira, às 22 horas, para enfrentar o México.

Nas outras partidas, pelo Grupo A, a Argentina venceu Porto Rico por 3 a 0 (25-23, 25-21 e 25-15) e os Estados Unidos, utilizando uma equipe mista com jogadoras com idade inferior a 25 anos, venceu Trinidad e Tobago por 3 a 0 (25-13, 25-12 e 25-13).

Pelo Grupo B, as anfitriãs Peruanas venceram por 3 a 0 a Costa Rica (25-19, 25-18 e 25-16), enquanto Cuba passou pelo Canadá por 3 a 2 (21-25, 20-25, 25-21, 25-20 e 15-13).

No Grupo C, além da vitória da República Dominicana contra o Brasil, a Colômbia perdeu para o México por 3 a 0 (18-25, 23-25 e 16-25).




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x