Search
Wednesday 30 September 2020
  • :
  • :

Brasil vence o Paraguai e segue invicto

 21/09/11 – O Brasil conseguiu, na noite desta quarta-feira (22.09), a terceira vitória consecutiva no Campeonato Sul-Americano masculino de vôlei. Os brasileiros não enfrentaram dificuldade na partida contra o Paraguai e venceram por 3 sets a 0, parciais de 25-10, 25-14 e 25-11, em 1h05 de jogo, no ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá (MT). O ponteiro Dante foi quem mais pontuou, com 13 acertos.

“Pelo que vimos, os jogadores do Paraguai não são profissionais. Eles sempre conversam com a gente no hotel e até pedem camiseta. Mas o mais importante no jogo de hoje foi que conseguimos manter o foco, a concentração, e isso é fundamental para o que temos pela frente”, disse Dante, sobre os jogos de sábado (24.09) e domingo (25.09), contra Venezuela e Argentina – considerados os adversários mais fortes da competição.

Mas, antes disso, o Brasil ainda terá a Colômbia no caminho. O confronto será nesta quinta-feira (23.09), às 22h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo do canal Sportv. A rodada terá, também, as partidas entre Chile e Paraguai, às 17h30, e Argentina e Venezuela, que será às 20h.

Ainda sobre o jogo contra o Paraguai, o levantador Bruno chamou a atenção para um detalhe considerado de grande valia. “O Brasil sacou bem e isso, no voleibol moderno, pode ser considerado meio ponto”, comentou o levantador, que entrou no segundo set e ficou até o final da partida.

O técnico Bernardinho também fez elogios ao desempenho do Brasil neste fundamento, responsável por 14 pontos do Brasil. “O time deles jogou com muita pressão no saque, o que facilitou a nossa vida. Amanhã vamos trabalhar forte de manhã e estudar a Colômbia. Os nossos próximos adversários têm uma maior experiência internacional. Espero que o nosso saque continue funcionando como hoje”, disse o treinador.

Nas duas primeiras partidas do campeonato, o Brasil venceu o Uruguai por 3 sets a 0 (25/10, 25/10 e 25/14) e o Chile pelo mesmo placar, com parciais de 25/21, 25/19 e 25/10.

O JOGO

O capitão Murilo abriu o placar com um ponto de ataque. No primeiro tempo técnico, os brasileiros fizeram 8/4 e, quando marcaram mais dois pontos, o técnico do Paraguai, Carlos Heyn, pediu tempo. A parada não mudou a história do set, que seguiu tranquilo para os brasileiros. No final, 25/10. Os centrais foram os destaques da parcial. Sidão e Rodrigão marcaram quatro pontos cada.

O segundo set seguiu sem dificuldades para a equipe comandada pelo técnico Bernardinho. Após as primeiras substituições do jogo, na inversão do 5-1, com Bruno e Theo nos lugares de Wallace e Marlon, o time brasileiro continuou no mesmo ritmo e fechou a parcial em 25/14. Neste set, o ponteiro Dante foi quem mais marcou, com seis pontos.

Na terceira parcial, Bernardinho manteve as duas alterações e colocou o ponteiro João Paulo Bravo no lugar de Murilo. E o jogo manteve no mesmo nível. A equipe verde e amarela não encontrou obstáculos e, com forte ataque de Theo, fechou o set em 25/11.

Brasil – Marlon, Wallace, Murilo, Dante, Sidão e Rodrigão. Líbero – Serginho. Entraram: Bruno, Theo e João Paulo. Técnico – Bernardinho

Paraguai – Jose Gaona, Bogado, Riveros, Jorge Gaona, Jose Ortiz e Gonzalo Gamarra. Líbero – Mauricio Brizuela. Entraram: Sanabria e Mendoza.Técnico – Carlos Heyn

 
 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x