Search
Saturday 26 September 2020
  • :
  • :

Campeão no Mineirinho em 2002 com a Rússia, técnico do Belgorod diz que aquele título “foi sorte”

Divulgação/FIVB.

Gennady Shipulin espera repetir o feito e conquistar mais um título no ginásio.

O que o Mineirinho, o dia 18 de agosto de 2002 e o técnico do Belogorie Belgorod, Gennady Shipulin, têm em comum? Esses três elementos nunca sairão da memória dos russos. Neste ginásio, nesta data e com este técnico a Rússia conquistava a sua primeira Liga Mundial, um feito inédito até então para o país, e contra um Brasil que voltava a figurar no cenário internacional com a Era Bernardinho. Quase 12 anos depois, o sério técnico Shipulin, bem no estilo russo, solta um largo sorriso ao ser lembrado desta data.

“Obrigado por me nos lembrar deste episódio de 12 anos. É muito bom estar aqui e relembrar aqueles tempos, e tenho muito prazer de voltar e trabalhando novamente. Naquele jogo, a vitória foi um grande sucesso na Rússia por ter sido uma conquista como a Liga Mundial. De algum jeito, acho que tivemos um pouco de sorte, e esperamos que isso nos ajude a ter ainda mais sorte amanhã e que o sucesso possa se repetir também para o clube”.

Além do comandante russo, Taras Khtey, capitão do Belgorod, e o lendário Serguey Tetyukhin, também estavam na seleção àquela época e esperam repetir o feito: calar milhares de brasileiros. A final do Campeonato Mundial de Clubes será neste sábado (10/05), a partir das 19h.


Shipulin saiu na foto foto à direita chamando algum companheiro. 

 
Mineirinho teve naquele dia quase 22 mil pessoas.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x