Search
Monday 21 September 2020
  • :
  • :

Campeões olímpicos Ricardo/Bruno estreiam com vitórias e oitavas são definidas no Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia

Ricardo comemora vitória em Itapema (SC)
(Angélica Luersen/MPIX/CBV)

As oitavas de final do torneio masculino da etapa de Itapema (SC), válida pela terceira etapa do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 17/18, foram definidas nesta sexta-feira (17.11). Após 26 jogos realizados na arena montada na Meia Praia, a parceria provisória dos campeões olímpicos Ricardo e Bruno Schmidt começou com pé direito, duas vitórias e liderança.

 

As oitavas de final, quartas de final e semifinais do naipe masculino acontecem neste sábado (18.11), a partir das 9h (de Brasília), com transmissão dos jogos da quadra central no Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). A disputa de bronze e ouro será realizada no domingo (19.11), com transmissão ao vivo nos canais SporTV.

 

“Está sendo um momento único, não tem nem o que falar do atleta que o Bruno Schmidt é. Está num momento tão grande com o Alison, um time vitorioso ao extremo, muito difícil de ser batido. Tenho um estilo de jogo e função bem similar ao Mamute, isso facilita dentro de quadra. Espero que a gente mantenha essa alegria e vibração”, elogiou Ricardo.

 

Outros cinco times terminaram o dia invictos com duas vitórias e na liderança de seus grupos: Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Pedro Solberg/George (PB/RJ), Guto/Vitor Felipe (RJ/PB), Moisés/Bruno de Paula (BA/AM) e Evandro/André Stein (RJ/ES).

 

“Somos atletas que conquistamos muitas coisas, e aqui existem duplas com um trabalho fixo, mais longo, com comissão técnica presente. Então isso tira um pouco a pressão e faz a gente desfrutar mais. Por outro lado, Bruno e eu somos extremamente competitivos, sempre queremos tirar o máximo, então isso também nos motiva. Encaixamos bem o bloqueio e defesa, além de termos sacado muito bem, estou extremamente feliz”, completou Ricardo.

 

Quem também comemorou o bom momento foi a parceria formada por Moisés e Bruno de Paula, que na etapa passada, em Natal (RN), alcançou a quarta colocação. Moisés, mais conhecido como Móca, elogiou o trabalho de preparação do time.

 

“Eu e Bruno treinamos em CTs separados, eu em Salvador e ele em João Pessoa. Duas semanas antes de cada etapa nos juntamos lá na Paraíba. Está sendo ótimo, estamos pegando um bom entrosamento. O CT Cangaço tem uns dos melhores atletas do Brasil, então os treinos são intensos. Nosso entrosamento veio rápido e até fora de quadra estamos sempre conversando sobre o nosso jogo. As pessoas até tiram sarro conosco que não paramos de falar sobre nossas estratégias. Estamos muito positivos dentro de quadra. O Bruno tem me ajudado muito, estamos sempre apoiando um ao outro. Ele é um parceiraço. Fico feliz de estarmos juntos e que os resultados estejam vindo”, destacou.

 

Das 24 duplas que começaram o dia, oito foram eliminadas nesta quinta. São elas Nelsinho/Raphael (SC/PR), Léo Gomes/Ferramenta (RJ), Allison Francioni/Allyson Lima (SC/CE), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR), Álvaro Andrade/Raul (SE), Oscar/Thiago (RJ/SC), Gilmário/Bernardo (PB/CE) e Marcus/Vinícius (RJ).

 

O Circuito Brasileiro Open 2017/2018 é composto por sete etapas. Após Itapema (SC), a competição segue em 2018 para Fortaleza (CE), de 24 a 28 de janeiro, João Pessoa (PB), de 21 a 25 de fevereiro, Maceió (AL), de 14 a 18 de março, e Aracaju (SE), de 4 a 8 de abril.

 

A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são quase R$ 500 mil por etapa. A novidade nesta temporada fica por conta da volta do classificatório e do aumento de duplas, passando de 16 para 24 times na fase de grupos da competição.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x