Search
Tuesday 1 December 2020
  • :
  • :

Cascavel/São José/Caio conta com a ‘força do sul’ para ter sucesso na Superliga B

Foto: Divulgação/Caascavel

A equipe de vôlei feminino de Cascavel/São José/Caio será o único representante da região sul do país na Superliga Série B, competição que inicia no próximo dia 25. O primeiro compromisso do time paranaense será contra o time de Bauru (SP). Além das duas equipes, também participam da competição nacional, que garante uma vaga na Superliga feminina (Série A), os paulistas Leme e São José dos Campos e a AABB, de Brasília. E para ter sucesso na Superliga B, a comissão técnica de Cascavel/São José/Caio trouxe quatro jogadoras do sul do Brasil.

Das quatro atletas, a catarinense Carla e a gaúcha Gabriela jogaram juntas em Chapecó (SC) e, no ano passado, foram campeãs da Liga Nacional – Região Sul, disputa em Blumenau (SC), e ajudaram a sua equipe a chegar ao vice-campeonato da fase que envolveu todos os campeões regionais.

Carla, de 24 anos, é acadêmica de Educação Física e atua como ponteira. Ela espera jogos complicados na Superliga B. “Não vamos enfrentar nenhuma equipe que disputou a Liga Nacional no ano passado. Porém, as jogadoras estão na Superliga B. Vai ganhar quem errar menos e se comprometer mais. Todos os jogos serão muito difíceis e todas as equipes querem a vaga na Superliga B”, disse.

A central Carla, de 23 anos e 1,90 de altura, fala de suas virtudes em quadra. “Meu ponto forte é o bloqueio. Dentro de quadra, não desisto nunca, tento passar experiência para as atletas e minha virtude é a superação”, conta.

As ponteiras Liciê e Bárbara, ambas com 17 anos, jogaram juntas na Seleção Gaúcha de Vôlei (Infanto-Juvenil e Juvenil). Apesar de jovens as jogadoras querem colocar essa experiência a serviço da equipe paranaense na Superliga B. “Gosto de jogar com bastante garra. Defendi a Seleção Gaúcha e a experiência que isso me trouxe me ajuda a orientar as demais colegas na quadra. Tento passar uma energia positiva e tranquilidade para as companheiras”, disse Bárbara, que é natural de Novo Hamburgo.

Já Liciê, que é de Caxias do Sul, fala de suas características. “Procuro dar o meu melhor em quadra, ajudar as colegas e passar orientações. E o bloqueio é o meu principal fundamento”, completou.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x