Search
Thursday 22 October 2020
  • :
  • :

China perto do título, Sérvia a um passo da vaga

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

As chinesas venceram o clássico. Num duelo que pode ter valido não só o troféu da Copa do Mundo como uma vaga olímpica, a China venceu a Rússia por 3 sets a 1 (25-23, 25-15, 23-25, 25-20), se aproximou do tetracampeonato e complicou, talvez definitivamente, a situação das vencidas. O time de Yuri Marichev saiu da liderança direto para a quarta posição e agora depende de uma combinação improvável na última rodada para, ao menos, sair de Nagoya garantido nas Olimpíadas do Rio.

 

“Jogamos ontem contra os EUA e hoje contra a China. A tabela não nos favoreceu, deixou a China numa posição melhor. Se nós fôssemos enfrentar a China amanhã, poderíamos ter tido mais chance”, queixou-se Marichev do cansaço.

 

A ponteira Ting Zhu comandou a vitória chinesa, com 29 pontos. Kosheleva respondeu com 24 pontos, mas foram insuficientes. Com cada um dos ataques assinalando 55 pontos, os placares de 21 a 16 no bloqueio, de 7 a 3 em aces e de 15 a 9 em erros do adversário é que favoreceram a vitória asiática.

 

“A Rússia jogou bem, mas, no final, conseguimos agarrar nossas chances. É cedo para se alegrar, porque ainda temos um jogo amanhã”, recomendou a treinador chinesa Lang Ping. “Os últimos três jogos são importantes, por isso os tratamos como quartas de final, semifinal e final”, concluiu.

 

A Sérvia, como esperado, venceu o Quênia por 3 a 0 (25-11, 25-14, 25-19), poupando titulares nos últimos sets, e assumiu a segunda posição do torneio.

 

Já os EUA, com uma vitória sobre o Japão por 3 a 1 (20-25, 25-23, 25-20, 25-10), passaram à terceira posição e eliminaram matematicamente as donas da casa. Agora, precisam vencer a Rep. Dominicana amanhã e torcer por uma derrota da Sérvia contra a Argentina ou da China contra o Japão: se uma das duas secadas funcionar, terão bilhete assegurado para o Rio de Janeiro, e se os dois resultados lhes forem favoráveis, a classificação olímpica vem com o bônus de um título inédito para as norte-americanas.

 

China e Japão entram em quadra às 7h20 do domingo, pelo horário de Brasília. Às 3h10, EUA e Rep. Dominicana se enfrentam e, pouco antes, às 2h10, a Sérvia joga contra a Argentina.

 

Veja os demais resultados da décima rodada da Copa do Mundo:

 

Coreia do Sul 3-0 Argentina (25-21, 25-17, 25-20)
Rep. Dominicana 3-0 Argélia (25-11, 25-12, 25-7)
Cuba 3-1 Peru (13-25, 25-16, 25-18, 25-19).




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x