Search
Monday 30 November 2020
  • :
  • :

Ciente do favoritismo, Molico/Osasco enfrenta o Minas na estreia da Copa Brasil‏

Foto: João Pires/FotoJump/Divulgação

O confronto entre Molico/Osasco e Minas pelas quartas de final da Copa Brasil 2014 acontece nesta quinta-feira, às 19h, no Ginásio Chico Neto, em Maringá. Esse embate é a reedição das quartas de final da Superliga 2012/13, quando as osasquenses eliminaram as mineiras. De lá para cá, o time de Belo Horizonte mudou bastante e rejuvenesceu muito seu elenco. Ao lado de diversas atletas jovens, o Minas tem na líbero Arlene, 44 anos, o toque de experiência da equipe e promete dificultar bastante o trabalho da equipe comandada pelo técnico Luizomar de Moura. O Molico/Osasco aposta no bom trabalho que tem feito na temporada, já que conquistou o Campeonato Paulista e lidera a Superliga de forma invicta, com 13 vitórias.

“É um jogo no qual a responsabilidade é toda nossa e temos que entrar em quadra e colocar em prática o nosso jogo. O Minas acaba de conquistar uma vitória importante diante do Pinheiros pela Superliga e, por isso, estamos conscientes das dificuldades e da importância de impor o nosso jogo”, afirmou Sheilla. Thaisa corrobora com a opinião da capitã e aponta a motivação como mais um aspecto que pode dificultar o embate. “É um time mais jovem e certamente terá uma motivação extra por estar enfrentando o Molico/Osasco. Temos que entrar preocupados com elas porque é um jogo eliminatório e se não ganharmos ficaremos de fora do torneio”.

Carinhosamente chamada de maestrina pela torcida osasquense, a levantadora Fabíola afirma que o Molico/Osasco entrará determinado na busca por mais um título na temporada. “É um campeonato curto e que será muito bom de ser disputado. O primeiro jogo é sempre difícil e teremos pela frente uma equipe jovem e com a Arlene, que dá padrão e um toque de experiência. Temos que entrar com tudo e concentradas para não sermos surpreendidas. É um jogo muito importante e que define, portanto, precisamos vencer. Chegamos a Maringá com o foco no título e jogaremos com dedicação total em busca desse objetivo”.

No banco de reservas, Luizomar terá ao seu lado um rosto bem conhecido, já que o treinador do Minas é o Marco Queiroga, que trabalho com Luizomar na Seleção Juvenil. “Logo na estréia teremos o Minas pela frente, que não está bem classificado na Superliga, mas que está crescendo e conquistou um grande resultado na última rodada da Superliga, quando venceu o Pinheiros. É um clube tradicional e respeito muito a história do Minas Tênis Clube, que hoje não tem um grande investimento, mas que faz um trabalho muito importante para o voleibol brasileiro, pois apostam em jogadoras mais jovens. A responsabilidade deste jogo é nossa e temos que tomar todos os cuidados para não sermos surpreendidos pela juventude do Minas, que certamente está motivado para enfrentar o Molico/Osasco.O nosso objetivo é brigar por mais um título”, finalizou o comandante.

O vencedor do duelo entre Molico/Osasco e Minas terá pela frente o vitorioso do confronto entre Vôlei Amil e Pinheiros. Do outro lado da chave, a Unilever encara o Rio do Sul/EquiBrasil e o SESI-SP enfrenta o Banana Boat/Praia Clube. Adenízia, Camila Brait, Lia, Thaisa e Luizomar já ganharam a Copa Brasil, sendo que, a central Thaisa é a única bicampeã, já que levantou a taça em 2007, pelo Rexona Ades, e em 2008, pelo Finasa/Osasco.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x