Search
Sunday 5 July 2020
  • :
  • :

Com aval de Maurício Thomas, Barueri apresenta novos reforços para Superliga

Foto: Luis Ventura/Melhor do Vôlei

Nesta quarta-feira (11/12), o Vôlei Barueri apresentou oficialmente as novas jogadoras contratadas para a sequencia da Superliga. Chegam ao time a levantadora Juma e a ponta Sonaly, vindas do Bradesco, além das experientes Luciane Escouto, Natasha Valente e Mari Paraíba.

Segundo o técnico Maurício Thomas, após a saída da ponta Cibele para o Japão, houve uma necessidade de repor posições no time pela importância da jogadora para a equipe. “A Cibele era o pilar do time, dava equilíbrio no passe e errava pouco. Mas ela teve uma proposta irrecusável e ninguém aqui vai atrapalhar a carreira de ninguém”.

Thomas ainda completou falando que as cinco contratações foram indicações dele. “Quando cheguei aqui peguei o time montado e não tive participação na escolha das jogadoras. Agora eu escolhi todas elas. Já conhecia a Juma e a Sonaly das categorias de base, a Luciane trabalhei com ela no Brusque e a Natasha na base em Brasília. A Mari não tinha trabalhado, mas tive boas referências.”

Ao comentar sobre Mari Paraíba, Thomas confirmou que ela foi a sua primeira opção para substituir Cibele. “Ela tem as características que eu precisava para a posição. Eu disse para ela que ela foi o primeiro nome que veio na minha cabeça para substituir a Cibele”.

Sobre o fato do time ganhar o status de time de Musas com as chegadas de Natasha, Mari e Luciane, ele desconversou. “Bonitas? Que nada… Bonita é a minha esposa lá em casa. Brincadeiras a partes, na hora de escolher elas, não levei em conta a beleza e sim o que elas já mostraram em quadra”.

Juma e Sonaly já estrearam. A próxima será Natasha e Lu e Mari ainda levarão um pouco mais de tempo, confirmou Thomas. “A Natasha já vai conosco para o jogo contra o Minas sexta-feira. A Lu está bem fisicamente, vinha treinando, mas ainda vai levar uma semaninha para se readaptar e a Mari, que começou a treinar hoje, ainda tem que se adaptar ao piso a rotina, e se não for depois do jogo contra a Unilever, será em Janeiro.”

Por fim, o técnico agradeceu novamente o apoio da prefeitura e deu o recado. “Só tenho a agradecer, pois em todas as minhas decisões recebi o apoio de todos e isso apenas comprova que o projeto Vôlei Barueri veio para ficar”

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x