Search
Friday 25 September 2020
  • :
  • :

Com muito sofrimento, Sesi vence Volero e garante bronze no mundial

Foto: FIVB

O Sesi-SP garantiu o terceiro lugar do Mundial de Clubes feminino ao derrotar no tie-break o Volero Zurich, com parciais de 18-25, 25-20, 21-25, 25-23 e 13-15, neste domingo (11/05).

O jogo da medalha de bronze foi bem diferente do da primeira fase. Desta vez, o Sesi dominou o primeiro set graças a dois pontos: os erros do Volero e sua eficiência ofensiva. Foram ao todo 8 erros do Volero contra 4 do Sesi. Já no ataque, a diferença foi maior: 18 a 8. No final, Sesi 25-18.

O grande jogo do Sesi continuou no segundo set, quando, logo de cara, abriu 5-1. No decorrer do set, o Volero deu uma melhorada, em especial no bloqueio, enquanto o Sesi aumentou seu número de erros. Após o segundo tempo técnico, o time suíço passou na frente. Empolgado com a virada, o Volero abriu e fechou o set em 25-20.

O terceiro set começou equilibrado, sendo disputado ponto a ponto. A partir do primeiro tempo, o Sesi conseguiu abrir uma vantagem de quatro pontos e passou a controlar a parcial, mas na metade do set permitiu nova reação do Volero. Após alguns pontos de tensão, com as suíças na cola, apenas um ponto atrás, o Sesi conseguiu se impor, abrir nova vantagem e fechar o set em 25-21.

Precisando vencer para forçar o tie-break, o Volero Zurich começou o quarto set ligeiramente melhor. O time suíço se manteve sempre um ponto a frente do placar durante todo o set. Somente na parte final o Sesi inverteu a situação e ele passou a jogar na frente do placar. Só que erros, tanto do time paulista quanto da arbitragem deram a vitória ao Volero. Em um lance capital, o ataque de Pri Daroit desviou no bloqueio e foi fora, mas o árbitro não viu o toque e deu ponto para o Volero, que ficou com o set point. Após a derrota no set, Talmo ironicamente se virou para os árbitros e aplaudiu-os pelo erro.

No tie-break, o Sesi conseguiu abrir 7-4 antes da virada de quadra, mas incrivelmente cometeu erros e levou o 8-7. Depois disso, parecia que o Sesi não se encontraria mais no jogo, permanecendo atrás do placar até o 12° ponto. O brilho das brasileiras apareceu com três pontos seguidos e a virada para 13-12. Com muita disposição na defesa, o time brasileiro salvou diversos ataques do Volero e teve o match point primeiro. Após saque de Daroit, Suelen salvou na defesa para Dayse finalizar o contra-ataque e dar o terceiro lugar para o Sesi: 15-13.

Carcaces, com 22, e Ivna, com 20, foram as maiores pontuadoras do jogo.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x