Search
Tuesday 20 October 2020
  • :
  • :

Com uniforme azul, Sesi encara o Brasília neste domingo

Campanha sobre a água motivou troca de cor no Sesi para este domingo (Foto: Divulgação/Sesi)

Campanha sobre a água motivou troca de cor no Sesi para este domingo (Foto: Divulgação/Sesi)

A primeira rodada das quartas de final da Superliga feminina de vôlei será encerrada neste domingo (22) com o duelo entre o Sesi, segundo na fase de classificação, e o Brasília Vôlei, sétimo. O jogo será realizado, às 12h30, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP).

Nos confrontos diretos nesta edição da Superliga feminina, a vantagem é do Sesi. No primeiro turno, a equipe da capital paulista venceu por 3 sets a 1 e no segundo, por 3 sets a 2.

Para a oposto Monique, do time paulista, é preciso aproveitar o fato de disputar o primeiro jogo da série em casa.

“Teremos que entrar em quadra muito concentradas, pois será um confronto muito difícil entre duas equipes que se conhecem bastante. Qualquer detalhe vai fazer a diferença. O Brasília Vôlei tem um grupo experiente e acostumado com jogos decisivos. Contamos com o apoio da torcida para começarmos bem esse playoff”, comentou Monique.

Pelo lado do Brasília Vôlei, o treinador Sergio Negrão comentou a participação do time candango até aqui na Superliga.

“Deveríamos brigar com o quinto e o sexto colocado, mas demoramos um pouco a engrenar. No entanto, gostei do progresso que tivemos durante a competição. Fizemos bons jogos contra os grandes e mostramos para a nossa torcida que a cada temporada o time tem evoluído. Insisto sempre que é possível ganhar, temos que acreditar. A disciplina tática e técnica também é muito importante”, analisou.

Tudo azul

A camisa vermelha do Sesi será substituída por uma azul clara no jogo deste domingo. O novo modelo vai trazer a logomarca da campanha “Água na medida”, uma iniciativa da Fiesp e do Ciesp para ajudar a população a diminuir o desperdício no consumo diário de água.

A central Fabiana falou sobre a importância da conscientização de todos sobre o tema.

“Estamos vivendo uma crise hídrica. Nada melhor do que lembrar disso no Dia Mundial da Água e trazer esse alerta também para o esporte, que alcança um público muito grande. É preciso economizar e usar a água com consciência no nosso dia a dia, sem desperdícios. A camisa azul ficou linda e chama atenção para um problema global”, afirmou Fabiana.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x