Search
Sunday 5 July 2020
  • :
  • :

Confira a seleção do Mundial de Clubes, que teve quatro representantes do Cruzeiro

Crédito: Divulgação/FIVB

Crédito: Divulgação/FIVB

 

A taça do Campeonato Mundial de Clubes de 2016 vai para a sala de troféus do Sada Cruzeiro, depois de a equipe brasileira bater o russo Zenit Kazan, da Rússia, por 3 a 0, neste domingo, 23, em Betim. E outros quatro jogadores também vão levar para casa um troféu pessoal, com seu nome registrado na seleção do principal torneio entres clubes do planeta. Serginho foi o eleito o melhor líbero, Evandro o melhor oposto, Leal o melhor ponteiro e William o MVP da competição.

 

Em todas as edições anteriores que o Sada Cruzeiro chegou à final o capitão William foi escolhido o melhor levantador, em 2012, 2013 e 2015. E agora ele foi eleito o MVP do torneio. “Não é meu objetivo e nem nunca foi ganhar prêmio individual. As coisas acontecem naturalmente assim. Eu dependo de muita coisa! Preciso do passe da nossa linha, preciso que o time jogue bem. É difícil demais analisar um prêmio individual num esporte como o vôlei! Estou extremamente feliz com tudo e ainda ser o mais valioso do Mundial não é todo dia e não há palavras!”, afirmou William.

 

Além de melhor ponteiro, Leal também teve o melhor saque desta edição do Mundial. Ele já tem na bagagem o prêmio de melhor ponteiro do Mundial 2013 e MVP no ano passado. Performances que o jogador também atribui ao apoio que tem do grupo.

 

“Fazer o que fizemos hoje, é porque nos preparamos muito! Trabalhamos porque temos uma responsabilidade muito grande. Duas semanas antes a minha cabeça só pensava no Mundial! E tratei de treinar e jogar muito bem porque sei que o time precisa muito de mim. O início da temporada foi complicado, passei por muitos problemas. Mas hoje só quero aproveitar o fato de ser tricampeão mundial! Cumprimos nosso objetivo, com a cabeça erguida e com muito objetivo pela frente. E esse tricampeonato é diferente. Jogar ao lado do Simon, que é um irmão, é muito diferente! Curtimos juntos e vamos aproveitar bastante esse momento”, contou Leal.

 

Serginho também celebra o prêmio. “É obvio que eu fico feliz, faz bem ao ego ser reconhecido como o melhor da posição, mas isso tudo fica em segundo plano. O que vale mesmo é o trabalho em equipe, que propicia tudo isso. Mas fico muito feliz com esse reconhecimento”, disse Serginho.

 

Seleção do Mundial

Levantador: Simone Giannelli, Diatec Trentino
Oposto: Evandro Guerra, Sada Cruzeiro
Ponteiros: Yoandy Leal, Sada Cruzeiro e Wilfredo León, Zenit Kazan
Centrais: Pablo Crer, Personal Bolívar e Artem Volvich, Zenit Kazan
Líbero: Sergio Nogueira, Sada Cruzeiro
MVP: William Arjona), Sada Cruzeiro




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x