Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Confronto de invictos na Superliga Feminina

 09/01/12 – A Superliga Feminina de vôlei 11/12 terá seus primeiros jogos do ano de 2012, nesta terça-feira (10.01). E, logo no retorno, um duelo de invictos promete agitar os torcedores no ginásio Plácido Rocha, em Araçatuba (SP), a partir das 20h. De um lado, o líder da competição e dono da casa: o Vôlei Futuro (SP). Do outro, a também invicta Usiminas/Minas (MG).


E nesta terça-feira, o outro time invicto na Superliga 11/12, o Sollys/Nestlé (SP) também entrará em quadra a partir das 20h. Em Osasco, no ginásio José Liberatti, a equipe paulista medirá forças com o Macaé Sports (RJ).

Até o momento, Vôlei Futuro e Usiminas/Minas alcançaram cinco vitórias cada um. O time paulista perdeu apenas um set na competição, na vitória sobre o Banana Boat/Praia Clube (MG). As outras quatro vitórias foram por 3 sets a 0, diante de Mackenzie/Cia. do Terno (MG), Rio do Sul (SC), BMG/São Bernardo (SP) e Macaé Sports.

Já a equipe mineira ganhou dois jogos por 3 sets a 0 – Banana Boat/Praia Clube e Macaé Sports -, um por 3 sets a 1 – Pinheiros (SP) – , além de ter vencido BMG/São Bernardo e Sesi-SP no tie-break .

Ataque x defesa

O duelo também colocará frente a frente as equipes líderes nas estatísticas de ataque e defesa da Superliga. A Usiminas/Minas é a primeira colocada no ataque, com 28,87% de aproveitamento. Já o Vôlei Futuro se destaca no ranking da defesa, onde é o primeiro colocado, com 48,87% de eficiência.

O destaque mineiro nas estatísticas tem um sotaque diferente. As cubanas Herrera e Daymi são os destaques do time de Belo Horizonte. Até o momento, Herrera é a maior pontuadora da Superliga, com 88 pontos, um a mais do que Daymi. No ataque, as posições se invertem. Daymi é a líder, com 28,57% de aproveitamento, seguida de perto de Herrera, segunda colocada (28,32%).

E a força cubana da Usiminas/Minas chama a atenção de Paulo Coco, técnico do Vôlei Futuro. “Como na temporada passada, a equipe mineira é uma das credenciadas para chegar às semifinais e quem sabe a uma final. As cubanas dão uma poder de ataque grande para o time. A equipe manteve o entrosamento do time da última Superliga e ganhou com a chegada de novas jogadoras como a Daymi e a Mari Paraíba”, avalia o treinador do time de Araçatuba.

Sobre o momento do Vôlei Futuro, Paulo Coco destaca que a Superliga está apenas no começo. Para o treinador, a dificuldade irá se intensificar. “Teremos uma sequência muito forte a partir de agora. Os próximos jogos irão mostrar qual o nível que estamos”, destaca Paulo. Nas próximas rodadas, o Vôlei Futuro enfrentará: Pinheiros, Sesi-SP, Sollys/Nestlé, Unilever e São Caetano.
 

Do lado da Usiminas/Minas, o técnico Jarbas Ferreira destaca a força do elenco do Vôlei Futuro e considera a equipe do interior paulista como favorita no confronto. “Será um duelo dificílimo. Não temos que nos preocupar com o choque de invictos, mas sim com nossa forma de jogar. O Vôlei Futuro tem uma excelente equipe, com jogadoras da seleção. Além disso, repatriou a Fernanda Garay e a Walewska. É favorito, além de jogar em casa”, diz o treinador mineiro.

Sobre o momento da equipe, Jarbas está satisfeito. “Que bom que começamos com vitórias. Mas sabemos que a Superliga está apenas no começo. O time está jogando de forma alegre e está bem disposto em quadra”, completa o treinador.

Sesi-SP busca recuperação

Depois de duas vitórias, o Sesi-SP, time que estreia na Superliga nesta temporada, acumula três derrotas consecutivas na competição. A equipe paulista voltará à quadra nesta terça-feira e espera começar 2012 com o pé direito. O adversário será o Pinheiros, a partir das 21h, no ginásio do Sesi-SP, na Vila Leopoldina, em São Paulo. O canal Sportv transmitirá ao vivo.

“Esperamos começar o ano com vitória. Estávamos com algumas jogadoras lesionadas, mas agora todas já estão à disposição. Treinamos forte neste período de recesso e conseguimos readquirir um bom ritmo. O Pinheiros é um adversário forte, que está crescendo e que conta com uma boa estrutura”, destaca Talmo Oliveira, treinador do Sesi-SP.

O Sesi-SP ocupa a quinta colocação, com oito pontos. Já o Pinheiros é o oitavo colocado, com quatro pontos. Nos cinco jogos disputados, foram quatro derrotas e uma vitória.

Mais duelos

Outros três jogos, todos às 20h, movimentarão a sexta rodada do turno. A Unilever (RJ), quarta colocada na classificação geral, receberá o Banana Boat/Praia Clube (MG), sexto colocado, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro.

Nono colocado, o São Caetano (SP) enfrentará o BMG/São Bernardo (SP), que ocupa a 10ª posição. O duelo será no ginásio Lauro Gomes, em São Caetano do Sul (SP).

Empolgado pela primeira vitória na competição na última rodada, o Rio do Sul (SC) jogará contra o Mackenzie/Cia do Terno (MG), que também surpreendeu e venceu o Sesi-SP. O duelo será disputado no ginásio Artenir Werner, em Rio do Sul (SC).



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x