Search
Wednesday 21 October 2020
  • :
  • :

Contra o Sesi, Montes Claros bate mais um time paulista na Superliga

Crédito: Raphael Amoroso/Fiesp/Sesi-SP

Crédito: Raphael Amoroso/Fiesp/Sesi-SP

Pode ser que nem os mais fanáticos torcedores do Montes Claros imaginasse que o time do norte mineiro estivesse invicto ao cabo das duas primeiras rodadas da Superliga masculina. A tabela guardava para o time, na sequência, o bicampeão paulista e o vice-campeão nacional. Mas o fato é que, se a equipe começou a competição vencendo a Funvic/Taubaté, o Montes Claros foi a São Paulo, na quinta-feira à noite, e venceu o Sesi num jogo muito disputado por 3 sets a 2 (14-25, 25-19, 21-25, 28-30, 16-14). O líbero Kachel foi escolhido como melhor jogador da partida.

 

O Sesi começou a partida com Thiaguinho, Théo, Gustavão, Leandro, Douglas Souza, Murilo e Serginho. Vinhedo e Rafael Araújo entraram no decorrer do jogo. Índio, André Nascimento, Rafael, Salsa, Kadu, Dvoranen e Kachel iniciaram o confronto pelo Montes Claros, com Wagner, Renan Purificação, Rodrigo, Maicon Leite e Juninho também sendo acionados.

 

Théo foi o maior pontuador do jogo. O oposto do Sesi assinalou 23 pontos, todos no ataque, seguido pelo ponteiro Douglas Souza, com 19. Pelo lado mineiro, Kadu fez 19 pontos, André Nascimento, 16, e Dvoranen, 14.

 

“Sabíamos que a Superliga seria isso, jogos muito equilibrados, apertados, e os detalhes fazem total diferença”, comentou o técnico do Sesi, Marcos Pacheco. “Montes Claros é uma equipe que saca muito bem, complica os adversários, e nós não conseguimos virar algumas bolas. A competição é assim, feita de oportunidade, ou você aproveita ou outro vai lá e toma conta do jogo”, resumiu o treinador.

 

A pontuação dos times, vista fundamento a fundamento, foi equilibrada. O Sesi fez 66 a 63 m pontos de ataque, o Montes Claros obteve sete pontos de bloqueio contra seis e, em aces, houve igualdade em 2 a 2. A diferença é que, no tie break, o bloqueio mineiro obteve 4 a 1 em pontos e isso garantiu vitória por diferença mínima.

 

O Sesi enfrentará o Minas Tênis Clube em casa e o Montes Claros visita o Brasil Kirin, em Campinas. As partidas serão no sábado.

 

OUTRO JOGO

 

Em Juiz de Fora, o time da casa perdeu para o Copel Telecom Maringá também por 3 sets a 2, com parciais de 21-25, 26-24, 23-25, 25-18, 19-17. Foi a primeira vitória do time paranaense na competição e o primeiro ponto conquistado pelo Juiz de Fora.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
1 Comentário
o mais novo
mais velho mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Dumbledore

Valeu Montes Claros venceu mais um gigante, pena que agora tenho a certeza que esta superliga é do cruzeiro :(.

Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x