Search
Monday 28 September 2020
  • :
  • :

Copa VR: RJX passa fácil pela Super Imperatriz (Florianópolis)

Foto: Divulgação

O RJX estreou com vitória na II Copa Volta Redonda de Vôlei. Na tarde desta quinta-feira, 13, o time de vôlei patrocinado pela OGX venceu a equipe catarinense Super Imperatriz por 3 sets a 0, parciais de 25-18, 25 -17 e 25-17, em 1h21, na Ilha São João, somou três pontos e saiu na frente na busca pelo bicampeonato da competição. Destaque para Thiago Alves, maior pontuador do RJX da partida com 10 pontos.

Marcelo Fronckowiak, técnico do RJX, elogiou seu grupo e ressaltou a disposição dos atletas neste início de temporada. “Ditamos o ritmo da partida, e estamos nos estruturando. Nossa boa apresentação é um ganho, mostra que estamos colocando em prática os treinamentos e também indica onde devemos melhorar. Temos muito ainda a ser feito, claro, mas estamos em um bom caminho”, afirmou.

O ponteiro Thiago Alves afirma que o torneio vai servir como um primeiro teste para o RJX. “Jogamos bem hoje, mas ainda temos dois fortes confrontos pela frente. Essas partidas vão nos dar entrosamento, são fundamentais para a temporada”, comentou o craque.

Nesta sexta-feira, 14, o RJX enfrenta o UPCN, às 16h30. No sábado, 15, RJX e Volta Redonda fazem a partida de encerramento da Copa, às 13 horas.


O jogo
 

O RJX iniciou o jogo com Bruno, Manius, Theo, Thiago Alves, Ualas, Lucão e Mario Jr (líbero). Durante a partida o técnico Marcelo Fronckowiak colocou Renan (ponteiro), Rafael (líbero), Athos (central), Da Silva (oposto) e Guilherme (levantador) em quadra.

O primeiro set transcorreu sem dificuldades para o RJX, que apresentou bom volume de jogo e chegou ao primeiro tempo técnico na frente, com 8 a 5, após erro da equipe catarinense. O RJX seguiu ampliando a vantagem e, na segunda parada obrigatória, anotava 16 a 9. Um ataque de Thiago Alves fechou o set em 25 a 18 em 26 minutos.

Na segunda etapa, o jogo se manteve no mesmo nível e o RJX marcou 8 a 4 após erro de saque de Caio. Outro erro de saque do time de Florianópolis e novo tempo técnico: 16 a 10. Com Rafael, Athos, Guilherme e Da Silva (inversão 5-1) em quadra, o RJX fechou o segundo set em 25 a 17, em 24 minutos.

Para o terceiro set, o técnico Fronckowiak manteve Athos e Da Silva no lugar de Lucão e Theo, respectivamente. Com mais equilíbrio entre as duas equipes até o primeiro tempo técnico (8 a 7), o RJX voltou a se distanciar no placar após forte ataque de Manius na ponta: 14 a 10. Renan substituiu Thiago Alves e o RJX fechou a última etapa em 25 a 17, em 24 minutos.  

 



Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x