Search
Wednesday 21 October 2020
  • :
  • :

De malas prontas para Indonésia, Renato se despede do Juiz de Fora como um dos destaques da Superliga

Crédito: Leandro Lacar da Silva

Crédito: Leandro Lacar da Silva

 

A colocação da equipe pode não ter sido a desejada, mas é inegável a grande atuação do ponteiro Renato Hermely, do Juiz de Fora. Ao final da fase classificatória da Superliga Masculina, o jogador encerra sua participação na competição como sétimo maior pontuador (308 pontos) e décimo maior atacante.

 

Renato falou sobre seu desempenho e como as coisas foram se encaminhando nesta temporada. “Sempre tive como meta voltar à elite do voleibol brasileiro. Tudo começou em Três Corações, onde me preparei muito bem e, ao jogar contra Juiz de Fora pelo Campeonato Mineiro, houve interesse por parte deles em me contratar para disputar a Superliga. Com esse convite, mirei no objetivo de tentar me tornar um ponteiro mais completo e eficiente em todos os fundamentos. Fui ganhando confiança ao longo da Superliga e as coisas foram fluindo, junto com o trabalho diário e muito foco”.

 

Porém, a temporada também teve seus momentos de dificuldade e incertezas. “Infelizmente, no final de Dezembro tive uma lesão meio complicada no joelho, onde optei por fazer uma infiltração, ao invés de uma artroscopia, que me tiraria por 40 dias das quadras. Mesmo assim, consegui fazer alguns bons jogos e, com muito trabalho e humildade, continuei me mantendo seguro e ciente da minha responsabilidade na equipe. Fico um pouco frustrado por não termos conseguido mais vitórias no campeonato, mas fizemos ótimos jogos contra importantes times. Mesmo assim, saio muito feliz em ter feito essa grande Superliga e ter vivenciado essa temporada muito especial”.

 

Na última rodada da competição, o Juiz de Fora enfrentou o líder Sada Cruzeiro, que poupou seus principais atletas, dando oportunidade aos jovens. Mesmo após estar perdendo por 2 sets a 0, a equipe de Renato se recuperou e conquistou uma grande vitória, muito comemorada pelo grupo, na despedida do torneio. “Esse jogo tinha um grande significado para nossa equipe, por conta da disputa da seletiva para permanecer na Superliga. O ambiente estava muito agradável e o ginásio estava completamente lotado, mostrando que a torcida de Juiz de Fora abraçou o time, mesmo com todas as dificuldades. Lutamos muito e em nenhum momento baixamos a guarda, conseguindo a virada e dando confiança ao grupo para a disputa da seletiva que virá adiante”, ressaltou.

 

Neste sábado (12/03), Renato embarca para Indonésia, onde viverá uma experiência diferente em sua carreira. O ponteiro irá defender as cores do Jakarta Pertamina Energy e falou um pouco sobre a expectativa para esse novo desafio. “Quero continuar meu trabalho que fiz na Superliga, lutando e brigando para permanecer nessa crescente. Fui contratado para chegar ao país e tentar reverter uma situação difícil que a equipe está passando, melhorar na classificação e conquistar o título. Também penso em deixar portas abertas por lá, pois a carreira do atleta é muito incerta. Estou chegando aos 33 anos, mas enquanto tiver forças e saúde, estarei dando o meu melhor”, finalizou.

 

 

Daniel Rodrigues




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x