Search
Tuesday 2 June 2020
  • :
  • :

Destaque na primeira rodada do Francês, Clarisse quer aproveitar tudo que pode da Europa

Fotos: Divulgação

No último final de semana começou o Campeonato Francês feminino e a grande destaque da primeira rodada foi a Brasileira Clarisse Peixoto, anotando 24 pontos na vitória do Venelles sobre o Evreux.

Em seu segundo ano na França, Clarisse sonha fazer uma grande temporada e levar seu time as competições europeias. A jogadora falou com o Melhor do Vôlei durante esta semana e além de falar de seu momento, ela também contou um pouco sobre como está se sentindo na França e de seus planos para o futuro.

Clarisse disse que a França lhe atraiu pela estabilidade e pelo fato do jogador de vôlei ser tratado como um profissional, assim como outras profissões. “A França me atraiu pela estabilidade e qualidade de vida. Aqui na Europa eu jogo vólei, faço o que eu amo, as pessoas reconhecem meu trabalho, sou remunerada por isso e ainda posso proporcionar uma boa vida para minha família. eu gosto de jogar na França , serei eternamente grata ao país que abriu as portas.”

Clarissa, que deixou o Brasil após o Vôlei Futuro encerrar as atividades do time feminino, afirma que assim como na Europa, algumas equipes tratam bem os atletas e que ela acredita que no futuro as coisas vão melhorar. “No Brasil temos times com excelentes estruturas ,mas são poucos, não são todas as equipes que podem proporcionar boas condições aos atletas,e isso é uma pena, mas eu ainda acredito que as coisas vão melhorar, não só no esporte, mas também na área da saúde, educação e segurança”.

Sobre o Campeonato, a jogadora diz ser bom, principalmente pela motivação dos objetivos que a competição oferece. “O campeonato francês é muito bom, as equipes tem mais ou menos o mesmo nível e todos os jogos são bem disputados. O fato de ter que classificar para jogar outros campeonatos motiva muito. Buscamos o título, mas isso não é tudo, também temos o objetivo de classificar para a Copa Europa e também para Champions League.”

Sobre uma volta ao Brasil, Clarisse não descarta, mas também não pensa em um retorno tão cedo. Ela quer aproveitar ao máximo a experiência que está tendo na França. “Não sabemos o dia de amanha, seria legal voltar a jogar no Brasil e mostrar ao mundo que as coisas mudam, pessoas crescem e que nada nem ninguém é o mesmo pra sempre. eu aprendi muito e acredito que o ambiente europeu me fez mudar de comportamento, também  as pessoas que eu encontrei, as oportunidades que me deram , credibilidade e confiança me deram segurança e só me ajudaram. Serei eternamente grata ao país me me abriu as portas,  quero aproveitar essa oportunidade e aproveitar tudo que a Europa pode me proporcionar,  mas eu também amo meu país e claro que tenho o sonho de ver esse nosso Brasil no topo sempre e quem sabe voltar a jogar lá.”

Quer saber mais sobre o Campeonato Francês? Veja a nossa página especial no Guia da Superliga aqui.




Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Auto Notificar:
Translate »