Search
Wednesday 25 November 2020
  • :
  • :

“Dossiê do Vôlei” repercute no Jornal Nacional e Pina deixa a CBV

Foto: Divulgação

Pina, à esquerda, é acusado de ser um dos beneficiados pela CBV

Conforme destacou o Melhor do Vôlei durante a semana, o jornalista da ESPN Lúcio de Castro tem divulgado no site da emissora uma série de documentos mostrando que funcionários da entidade teriam levado vantagem em contratos feitos pela CBV.

Nesta quinta-feira (27/02), o jornalista publicou os documentos que mostram que Marcos Pina, Superintendente Geral da Entidade, teria recebido através de sua empresa, a SMP, 10 milhões de reais por conta de uma intermediação da venda de patrocínio entre Banco do Brasil e CBV. (veja a matéria aqui)

O Banco alegou a reportagem da ESPN que o patrocínio foi tratado diretamente com a CBV. O assunto acabou dando repercussão até no Jornal Nacional, da TV Globo, a principal parceira de mídia da CBV, que noticiou também o fato (veja aqui).

Atendendo ao pedido da presidência da CBV, o Superintendente Geral, Marcos Pina, colocou seu cargo à disposição nesta quinta-feira e, para o seu lugar, foi indicado Neuri Barbieri, presidente da Federação Paranaense de Voleibol.

Neuri, que é catarinense, chegou ao estado do Paraná nos anos 70, preside a Federação Paranaense desde 1982 e colocou o vôlei da região entre os melhores do Brasil.

Neuri iniciou sua vida esportiva no futebol, onde jogou e chegou a apitar algumas partidas da modalidade, até que o vôlei tornou-se prioridade. No período à frente da federação do Paraná, participou de forma ativa da evolução de grandes nomes da modalidade, como Giba, Mari e Emanuel.




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x