Search
Tuesday 22 September 2020
  • :
  • :

Duplas femininas avançam para as oitavas de final na China

Foto: Divulgação/FIVB

 

As duplas brasileiras continuam impossíveis no torneio feminino da etapa Open de Fuzhou (CHN) do Circuito Mundial 2013. Na madrugada desta sexta-feira (26/04), horário de Brasília, no Minjiang Riverside Park, Maria Elisa/Ágatha, Lili/Bárbara Seixas e Taiana/Talita avançaram para as oitavas de final. Nesta fase, inclusive, duas delas se enfrentarão por uma vaga nas quartas de final.

Pelo Grupo G, Maria Elisa e Ágatha, que já tinham vencido os dois compromissos na véspera, confirmaram o bom momento e garantiram a classificação direta para as oitavas com uma vitória na base da superação. De virada, venceram o frio que tem feito na China e a dupla holandesa Van Gestel/Meppelink por 2 a 1, parciais de 18-21, 23-21 e 15-13, em 55 minutos de partida. E, claro, vibraram bastante. Nas oitavas, jogarão contra a parceria da Áustria formada por Schwaiger D. e Schwaiger S.

“O jogo foi bastante sofrido. Começamos o primeiro set bem, abrindo vantagem, mas depois não conseguimos mais encontrar o nosso jogo. No segundo, o saque da Maria Elisa entrou e fez a diferença. O último set foi bem equilibrado, mas conseguimos imprimir nosso jogo e vencer no final. Fiquei muito satisfeita porque o meu bloqueio funcionou bastante e nos ajudou com sete pontos”, declarou Ágatha.

Quem também ganhou as três partidas que disputou na fase de grupos foi Taiana/Talita. Pela chave H, avançaram em primeiro lugar sem perder um set sequer. A vitória nesta sexta-feira foi sobre uma das duplas da casa, formada por Yue Y. e Y. Ma: 2 sets a 0, parciais de 21-18 e 21-19. O problema é que, agora, elas enfrentarão as compatriotas Lili e Bárbara Seixas em uma das oitavas de final. Ou seja: uma delas, infelizmente, ficará pelo caminho antes da hora.

Isso porque Lili e Bárbara perderam seu último jogo na fase de grupos, terminando em segundo na chave E, sendo obrigadas, desta forma, a disputar uma partida eliminatória para se garantirem nas oitavas. A derrota, no detalhe, foi para Holtwick/Semmler (ALE): 2 a 0, parciais de 21-18 e 26-24. Mas a dupla brasileira se superou na fase seguinte, venceu por 2 a 0 (22-20 e 21-17) uma outra dupla alemã, formada por Borger e Büthe, e avançou para as oitavas.

 




Subscribe
Auto Notificar:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Translate »
213
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x